Navegando a categoria

Vegetais

Vegetais

Como Plantar Pepino

Como Plantar Pepino

Neste artigo vamos trazer todas as informações sobre como plantar pepino, para que você consiga ter esse alimento mais facilmente em casa e viver uma vida bastante saudável.

O pepino (cucumis sativus) é um vegetal muito utilizado na cozinha brasileira, especialmente para a confecção de saladas. Com poucas calorias, é ideal para quem quer incorporar alimentos mais saudáveis na dieta para perder peso. Rico em água, minerais e antioxidantes, o pepino ajuda a hidratar o corpo e a manter um bom funcionamento do sistema digestivo.

Por ser rico em potássio, o pepino auxilia para uma boa saúde do coração. O fato de ser rico em água e também pobre em gordura possibilita uma melhor circulação do sangue no corpo, ajudando a combater a hipertensão arterial. O vegetal também ajuda a evitar o câncer, já que contém entre suas substâncias antioxidantes poderosos, casos dos flavonoides e das lignanas.

É possível ingerir, além da polpa, a casca e as sementes, que são repletas de fibras e betacaroteno, elementos que fazem bem para os olhos, pele e cabelos.

Como plantar pepino: atenção à época

Como Plantar Pepino

Cucumis sativus

Antes de abordar como plantar pepino, é importante salientar algumas características do cultivar.

A planta do pepino é trepadeira e seus ramos podem alcançar de 1 m a 3 m de comprimento. Seus frutos podem ser consumidos ainda imaturos, ou mesmo crus e até em conservas, muito comuns em outros países, embora exista esse tipo de produto também no Brasil.

Quem quer saber como plantar pepino precisa ficar atento em relação à época do plantio. O pepino é originário de climas mais quentes, embora se adapte a temperaturas mais amenas. Ocorre que, em temperaturas mais baixas, a plantação é bastante afetada, sob risco de ser dizimada em caso de geada. Desta forma, recomenda-se que o plantio ocorra no verão ou na primavera.

Por outro lado, vale ressaltar que o outono e o inverno são favoráveis a formação de flores femininas, graças ao clima mais ameno à noite. Para evitar os males do frio, recomenda-se o cultivo em estufas no inverno, pois desta maneira as temperaturas ficarão mais equilibradas ao pepino.

No entanto, vale ressaltar que apenas as cultivares ginóico-partenocárpicas se dão melhor em estufas totalmente fechadas, independentemente de verão ou inverno. As outras espécies dependem da polinização feita pelas abelhas, logo, necessitam das laterais das estufas abertas.

Já que o pepino é um fã do verão, obviamente que ele cresce melhor com luz solar direta nele por pelo menos algumas horas do dia. Junto a disso, mantenha-o irrigado de forma que nunca deixe as raízes secas. Mas atenção: não encharque o solo, pois isso também pode ser prejudicial à planta.

Como plantar pepino: germinação, cuidados e colheita 

Para você ter como plantar pepino corretamente, é preciso ter atenção ao solo. Ele deve ser fértil e rico em matéria orgânica. Além disso, deve ser bem drenado e seu pH deve ficar em torno de 5,5 e 6,8.

Fã do calor, as sementes do pepino não germinam de forma satisfatória abaixo dos 20ºC. O ideal é que o cultivar seja semeado diretamente na hora, pois as mudas podem sofrer danos durante o transplante.

Mas caso seja de sua vontade, é possível plantar primeiro em vasos, saquinhos plásticos para mudas ou mesmo copos feitos de jornal e depois realizar o transplante para a horta. Porém, tenha muito cuidado para não machucar as mudas. Elas devem ser semeadas a 2 ou 3 cm de profundidade e levam de cinco a 15 dias para germinar e, aí sim, realizar a mudança par ao local definitivo.

No processo de como plantar pepino, o espaçamento é um item que pode gerar um pouco de confusão, pois varia bastante de acordo com o cultivar e o método empregado. No cultivo tutorado, por exemplo, deve-se guardar entre 60 cm e 1 m de espaço entre as linhas de plantio e 45 cm a 50 cm entre as plantas.

No caso de cultivo de plantas que crescem rasteiras, o espaçamento vai para 2 m entre linhas e de 75 cm a 1 metro entre os cultivares. Para produzir pepino em conservas, recomenda-se deixar de 1 m a 1,2 m de distância entre as linhas e 20 cm entre as plantas.

Outra coisa importante em como plantar pepino é sobre a forma que ele cresce, de forma rasteira, ou tutorado, necessitando, então, de uma cerca ou uma treliça.

Recomenda-se o corte das pontas das ramas para ramificar melhor as plantas, mas isso só pode ser feito quando as ramas atingirem a altura total do suporte.

A colheita leva em torno de 30 a 70 dias após o plantio definitivo do cultivar. Porém, no caso dos pepinos em conservas, eles podem ser colhidos mais cedo, quando tiver entre 3 cm a 9 cm de comprimento.

Mas em geral, a colheita deve ser feita quando o vegetal se mostrar bem desenvolvido, sem, no entanto, amadurecer.

E então, já aprendeu a como plantar pepino? Qualquer dúvida que tenha não hesite em comentar o artigo!

Aprenda a plantar também:

Vegetais

Como Plantar Cebolinha

Como Plantar Cebolinha

Neste artigo você vai aprender como plantar cebolinha, descobrindo que é muito mais fácil do que você imagina.

A cebolinha (allium fistulosum) é um tempero bastante utilizado na hora de dar cor e sabor aos pratos. Originária da China, ela é plantada naquele país e no Japão desde os tempos da Antiguidade. Ela possui pseudocaules e folhas redondas e ocas e não forma bulbos, tal e qual faz a cebola.

Há várias espécies de cebolinha, especialmente na Ásia, que possui cultivares altas e baixas, que são bastante semelhantes à cebolinha-francesa e ao alho-poró, respectivamente.

No caso das mais baixas, que são mais comuns no Ocidente, suas folhas e pseudocaules são muito usados em muitas receitas, além de poder ser consumidas crus ou cozidas. Já nas cultivares altas os pseudocaules mais longos são os elementos mais apreciados.

A cebolinha é rica em vitaminas A, B, C e K, além de conter em abundância cálcio, fósforo, magnésio e potássio.

O alimento é repleto também de antioxidantes, essenciais na prevenção de problemas relacionados ao coração, além de ajudar a brecar o envelhecimento, pois combate os radicais livres que costumam degenerar as células e afetar o bom funcionamento do organismo.

Esse tempero também auxilia o sistema digestivo a ter um funcionamento adequado devido à abundância de fibras.

Estudos revelam ainda que esse alimento é antifúngico e antibacteriano, o que ajuda na eliminação das bactérias que atrapalham o trato intestinal.

Como plantar cebolinha: Solo, luz, água e temperatura

Como Plantar Cebolinha

Para você que quer aprender como plantar cebolinha, é importante se atentar a alguns aspectos durante todo o processo. Isso vai garantir um resultado bastante positivo e cebolinha fresquinha em sua casa.

Por exemplo, o solo é um ponto de atenção importante. Apesar da cebolinha-verde ser bastante rústica e crescer praticamente em qualquer solo, é importante que a terra seja bem drenada, fértil e rica em matéria orgânica. Esses elementos reunidos farão com que o cultivo se torne exitoso.

Outro cuidado fundamental é quanto à irrigação. Como a maioria das plantações, é importante criar condições que mantenham o cultivar bem irrigado. Porém, é preciso tomar cuidado para não deixar o solo encharcado, o que poderá comprometer o desenvolvimento da planta. Importante lembrar: espécies adultas costumam ser mais resistentes a eventuais períodos de seca.

Outro item que deve ser atentado em como plantar cebolinha é quanto ao clima. A planta é mais tolerante a climas amenos, com temperaturas que variam entre 13ºC e 24ºC. Vale salientar, entretanto, que há algumas espécies que podem suportar temperaturas mais baixas e outras que aguentam mais calor. Se você for comprar a semente em alguma loja especializada, procure saber junto ao vendedor informações sobre as condições climáticas ideais daquele cultivar.

Para um plantio satisfatório da cebolinha, é importante que a planta receba luz solar direta ao menos por algumas horas diárias. Isso vai garantir que ela se desenvolva satisfatoriamente.

Como plantar cebolinha: do cultivo à colheita

Quem está à procura de entender sobre como plantar cebolinha precisa observar uma particularidade quanto ao cultivo desta planta. Ela pode ser cultivada por meio de sementes ou então a partir da divisão de touceiras formadas por plantas adultas.

No primeiro caso, as sementes podem ser germinadas no local definitivo ou então em sementeiras, para posterior transplante na hora.

Já no segundo caso, e necessário separar cada planta da touceira, retirar as folhas mais desenvolvidas e plantar cada cultivar espaçadamente na mesma profundidade das outras.

Importante lembrar que algumas espécies da cebolinha se propagam vegetativamente com menor frequência, portanto, não são indicadas para o método de plantio por divisão.

A boa notícia para quem quer plantar em casa é que a cebolinha-verde pode ser cultivada em vasos e jardineiras, facilitando quem está atrás de alguns exemplares para temperar os pratos da sua cozinha, não é mesmo?

Durante o processo de como plantar cebolinha, é necessário fazer um acompanhamento da planta, para garantir que ela dê os resultados esperados.

Por exemplo, é comum surgirem plantas invasoras no meio do pé da cebolinha. Remova sempre que ver algo do tipo surgir, pois essas estrangeiras podem roubar nutrientes do cultivar. Para quem deseja obter os pseudocaules, pode amontar terra periodicamente junto à planta. Isso garantirá o desenvolvimento de pseudocaules longos.

O passo final é a colheita. As folhas de cebolinha podem ser retiradas entre 75 e 120 dias após o plantio, verificando sempre as condições da planta antes de fazê-lo.

Colha as folhas por inteiro, junto à base, e não apenas pela metade. A planta também pode ser colhida por inteiro, para quem deseja aproveitar o pseudocaule. Nesse caso, a colheita é feita por horticultores normalmente três meses após o plantio, enquanto outros preferem deixar a planta crescer por nove meses ou mais.

A cebolinha é uma planta perene, podendo ser cultivada em qualquer época do ano.

Extra: Plantando cebolinha em casa (Vídeo)

Compreendemos que não é fácil aprender a como plantar cebolinha através de um tutorial de texto por isso decidimos trazer pra você algo mais simples: Um tutorial em video!

Assista ao vídeo abaixo, assim conseguirá seguir o passo a passo de forma simples e organizada.

Aprenda a plantar também:

Vegetais

Como plantar Tomate Cereja

Aprender a como plantar tomate cereja é bastante simples uma vez que vamos apresentar para você 3 maneiras diferentes e bem simples de o fazer!

O tomate cereja (Solanum lycopersicum var. cerasiforme) é uma espécie de tomate em miniatura, já que seus frutos são bem menores em relação ao tomate original. Trata-se de uma das plantas mais populares no que tange ao cultivo, afinal de contas, é muito fácil de cuidar e entrega frutos muito rapidamente.

E já que é fácil de cultivá-la, vamos apresentar neste artigo como plantar o tomate cereja tanto em garrafa pet quanto em vaso, possibilitando que você possa ter produtos fresquinhos produzindo em sua própria casa ou apartamento, pois ele pode ser colocado no quintal, em jardineiras ou até mesmo em jardins suspensos.


Quando devo plantar tomate cereja?

A decisão de quando plantar o tomate cereja vai depender de alguns fatores. Como esse cultivar prefere um clima mais fresco e também alta luminosidade, ele se dá melhor com temperaturas entre 20ºC e 25ºC durante o dia e 11ºC e 18ºC à noite. Na região Sul, por exemplo, ele pode ser plantado de agosto até fevereiro, para evitar os períodos mais frios e de geada.

Mas apesar da preferência pelo clima mais fresco, ele pode ser cultivado durante todo o ano nas demais regiões sem nenhuma contraindicação, especialmente se você fizer o cultivo em casa ou apartamento, seja ele em vaso ou em garrafa pet, que explicaremos a partir de agora.


Como plantar tomate cereja em garrafa pet

Como plantar tomate cereja em garrafa pet

Como plantar tomate cereja em garrafa pet

Para conseguir um plantio eficaz do tomate cereja em garrafa pet, você vai precisar dos seguintes itens:

  • 1 garrafa pet de 2 litros;
  • 1 palito de churrasco ou pedaço de pau de mais ou menos oito centímetros;
  • 1 tesoura;
  • 1 coador de café;
  • Terra;
  • Mudas de tomate cereja;
  • Barbante ou arame para pendurar a garrafa;
  • Objeto pontiagudo para fazer furos.

Em primeiro lugar, lave bem a garrafa pet e remova o rótulo. Em seguida, corte o fundo da garrafa e a coloque de volta, mas de forma invertida. Com o fundo ainda dentro da garrafa pet, faça dois furos laterais para que possa ser transpassado o pedaço de madeira ou espetinho de churrasco. É necessário que os furos estejam na mesma posição para que forneça equilíbrio quando a garrafa ficar pendurada. Na sequência, faça alguns furos na base da garrafa pet que foi recortada, eles serão necessários para a água descer à terra quando a planta for regada.

Pegue o filtro de café e rasgue sua costura da borda para o centro. Em seguida pegue a muda de tomate cereja e a envolva com o filtro de café para que a terra seja coberta. Com cuidado, coloque a muda de tomate através do gargalo da garrafa pet, usando o buraco aberto na base.

Em seguida, vire o recipiente de cabeça para baixo e o preencha com terra, deixando um espaço para a introdução da base recortada, que vai ajudar a distribuir a água. Retorne ao palitinho de madeira e passe-o pelos furos. Amarre o arame ou o barbante entre os pauzinhos para poder pendurar a planta. Escolha um local para pendurar o seu novo vaso de garrafa pet e abasteça o distribuidor com água até que ela escorra para o gargalo. Para proteger as raízes, extremamente delicadas da luz, cubra a garrafa pet, seja com spray ou com fita adesiva.

Compreendemos que esta técnica de plantio de tomate cereja seja um pouco complicada para algumas pessoas por isso vamos deixar um pequeno vídeo com um tutorial passo a passo de início ao fim:


Como plantar tomate cereja em vaso

Como plantar tomate cereja em vaso

Como plantar tomate cereja em vaso

No caso do vaso, você pode começar o plantio a partir de sementes, sejam elas adquiridas em alguma loja especializada ou mesmo a partir das sementes de algum tomate cereja que você comprou. Caso escolha a segunda opção, ponhas as sementes em uma folha de papel e deixe secar na sombra.

Ao escolher um local no seu quintal, jardim ou janela, tenha em mente que o vaso de tomate cereja deverá receber ao menos quatro horas diárias de sol. Com isso definido, é hora de colocar as mãos na terra, deixando-a bem solta, afinal, o tomateiro adora um solo fofo e rico. Após isso, faça furos com o dedo, com um espaço de 30 cm entre eles e insira as sementes. Polvilhe terra por cima.

No caso da irrigação, há algumas especificidades. Até as mudas começarem a sair e quando elas ainda estiverem bem pequenas, é permitido regar todas as manhãs. Porém, quando o tomateiro estiver mais firme, regue apenas três vezes por semana. E quando as folhas estiverem crescidas, evite molhá-las.

Com o passar do tempo, o brotinho vai crescer, engrossar e as folhas vão aparecer. Para manter firme o pé de tomate, coloque uma estaca que ultrapasse a altura da planta e o amarre ao caule. Isso vai fazer com que o tomateiro não tombe, continue crescendo e produza frutos.

Aprenda a plantar também:


Como plantar tomate cereja em apartamento

Como plantar tomate cereja em apartamento

Como plantar tomate cereja em apartamento

Tanto o método da garrafa pet quanto do vaso podem ser feitos em um apartamento. Basta que você tome os cuidados necessários durante o cultivo, que os resultados serão satisfatórios. Entre as precauções cabe reforçar a necessidade de receber bastante sol, além de mantê-la com água o suficiente para que ela se desenvolva, sem encharcá-la. Além disso, o solo deve ser bem fertilizado e contar com matéria orgânica, como, por exemplo, cascas de alimentos e ovos, batidos no liquidificador, que são bons adubos.

A colheita geralmente ocorre entre 30 e 50 dias após o surgimento das flores, que, por sua vez, costumam aparecer após cerca de 60 dias da germinação. E é bastante fácil perceber se o fruto está pronto para consumo: se o tomate cereja estiver vermelhinho, está na hora de retirá-lo e fazer uma boa salada com ele!

Se tiver alguma questão sobre como plantar tomate cereja basta comentar abaixo, teremos todo o gosto em esclarecer todas as suas dúvidas!

Leguminosas Vegetais

Como Plantar Quiabo

Já pensou em ter a sua própria horta em casa? Aprenda a como plantar quiabo agora mesmo e torne esse sonho realidade de maneira muito simples!

O quiabo (Abelmoschus esculentus) é um legume bastante apreciado cuja origem não é certa, podendo ter surgido no sul da Ásia, Etiópia ou mesmo África Ocidental. Trata-se de uma planta cultivada de forma anual. Ela costuma atingir de um a dois metros de altura e seus frutos são consumidos imaturos, por meio de cápsulas que contém sementes redondas que são ingeridas após fritas ou cozidas, dependendo do paladar e da engenhosidade de quem cozinha.

Outra característica marcante do quiabo é a tal da baba que ele produz. Trata-se de uma substância mucilaginosa que nem todos apreciam. Neste artigo você vai saber como se livrar dessa baba e também perceber que há muitos benefícios no consumo do quiabo. Além disso, explicaremos como plantar o quiabo em vasos e tê-los gratuitamente em sua casa.


Quais os benefícios do Quiabo?

Benefícios do Quiabo

Benefícios do Quiabo

O quiabo oferece inúmeros benefícios à saúde, sendo quase que um convite a consumi-lo. Por exemplo, no trato digestivo ele contribui bastante com a oferta de fibras no organismo, o que melhora o intestino e ajuda a evitar problemas gastrointestinais.

O quiabo é rico em vitamina A, além de conter diversos antioxidantes, como o betacaroteno, xanthein e luteína, que são responsáveis por combater os radicais livres que degeneram as células do organismo, inclusive da visão. Ou seja, quanto mais quiabo você tiver, mais protegidos seus olhos estarão. A presença de vitamina A possibilita também uma pele mais jovem e com a menor incidência de acne e cicatrizes.

Os altos índices de ferro e cobre em seu interior ajudam a combater quem sofre com problemas de anemia. Boa fonte de cálcio, o vegetal ajuda a manter ossos e dentes mais saudáveis. Outro ponto positivo é a presença de vitamina C no legume. Isso faz com que o sistema imunológico fique mais protegido e combata possíveis agente nocivos dentro do nosso corpo.

O quiabo também é muito utilizado para o controle da diabetes. Além disso, o potássio existente nele ajudar baixar a pressão arterial e reduzir a tensão do sistema cardiovascular. Como se vê, há muitos benefícios que fazem com que o quiabo se torne imprescindível na sua dieta. E saiba que é possível tê-lo plantando-o dentro de casa! Veja a seguir.


Como plantar quiabo em vaso

Como plantar quiabo em vaso

Como plantar quiabo em vaso

Ao plantar o quiabo, é importante ter em mente que o clima ideal é o quente, com temperaturas acima de 20º graus, em regiões tropicais e subtropicais. Em locais mais frios, a recomendação é de utilizar uma estufa ou então destinar o cultivo para o verão ou primavera. Vale ressaltar que a planta precisa de pelo menos quatro horas diárias de luz solar direta. Então, leve isso em consideração ao plantar em um vaso em sua residência.

Independentemente de ser um canteiro ou um vaso, o solo a receber o quiabo deve ser bem drenado e fértil, isto é, bastante rico em matéria orgânica. Além disso, o pH ideal do solo deverá girar em torno de 6 e 6,5.

Inicialmente, as sementes de quiabo devem ser plantadas em copinhos de plástico ou embalagens de jornal para a produção das mudas. Coloque duas mudas por recipiente a 2 cm de profundidade e aguarde a germinação, que ocorrerá em mais ou menos 10 dias.

De fácil transplante, o quiabo pode ser levado ao plantio definitivo no vaso ao atingir 10 cm e três ou quatro folhas. Para essa etapa, é importante ter um vaso já adubado há pelo menos uma semana. Sugere-se colocar húmus de minhoca ou esterco bem curtido.


Como cuidar do Quiabo

Um dos aspectos importantes durante o cultivo do quiabo é a irrigação. A rega deverá ocorrer para deixar o solo sempre úmido, mas sem encharcá-lo. As plantas adultas conseguem tolerar períodos curtos de seca. Para evitar a compactação e ajudar na umidade, pode-se recorrer a inserção de folhas mortas na parte de cima do vaso. Em alguns casos pode ser feita a poda para gerar a ramificação ou mesmo revigorar a planta.

A colheita é recomendada entre 60 e 80 dias após o plantio do quiabeiro. É possível que prossiga por alguns meses, caso as condições de cultivo sejam favoráveis. O quiabo precisa estar bem desenvolvido para ser colhido. Ao mesmo tempo, deve estar tenro e apresentar tonalidade brilhante, o que costuma acontecer mais ou menos seis ou sete dias após a polinização e o início da formação do fruto. Não é recomendável que ele seja colhido maduro, pois pode ficar muito fibroso.

Aprenda a plantar também:


Como plantar quiabo: Dicas finais

Ficou com vontade de plantar quiabo em um vaso, se animou com os benefícios oferecidos pelo vegetal, mas não quer saber daquela baba asquerosa que ele solta? Então presta atenção nesta dica, que vai fazer você se livrar essa substância viscosa e ainda poder saborear tudo de bom que o quiabo oferece.

Uma forma de evitar que o quiabo solte a baba é fritá-lo rapidamente, logo que ele é retirado. Outra solução é cozinhá-lo com uma solução de suco de limão ou vinagre.  Por exemplo: a cada 100ml de água adicione três colheres de vinagre e coloquei o quiabo nessa solução em água fervente por três minutos. Mas antes, corte as pontas do quiabo.

As folhas e o cálices das flores também são comestíveis. No entanto, eles devem ser cozidos antes de serem ingeridos. Algumas variedades cultivadas possuem as folhas sem pelos, o que permite o consumo cru. Já as sementes advindas dos frutos maduros podem ser usadas na produção de sopas e outros pratos.

Deixamos ainda um vídeo de ajuda com mais algumas dicas para plantar quiabo em casa, assista pois contém informações muito valiosas!

E então, já aprendeu a cultivar quiabo em sua casa? Se tiver alguma dúvida não hesite em deixar um comentário neste artigo!

<< voltar para Como Plantar

Vegetais

Como Plantar Inhame

O inhame é um vegetal com enormes benefícios para a saúde. Aprender a como plantar inhame é algo bastante útil, isto porque ter um tubérculo destes sempre a mão dá sempre jeito, seja para fins medicinais ou para consumir em sopas ou noutros pratos. Uma mulher grávida pode comer inhame e deve, porque este tubérculo traz bastantes benefícios para o bebê.

Neste artigo vamos mostrar tudo desde o seu plantio até a sua colheita, tudo de forma bem simples, acompanhado de imagens ilustrativas com um exemplo de cultivo de inhame do zero.

O bom deste tipo de plantação é que qualquer pessoa é capaz de o produzir rápida e facilmente em casa, seja em vasos como num quintal.


Como Plantar Inhame

Inhame e cará são nomes comuns de várias espécies de plantas bem diferentes, dos gêneros Dioscorea, Alocasia, Colocasia, Xanthosoma, e Ipomoea, e de suas “batatas”. Wikipédia

O primeiro passo é comprar um inhame no super mercado. Antes de comprar tem de saber escolher, escolha um que tenha uma pequena “saliência” saúde para fora, tal como vamos mostrar na imagem abaixo:

Como Plantar Inhame

Como Plantar Inhame

Pode comprar quantos quiser, tudo vai depender do tamanho da sua horta/vaso.

Após comprar basta arranjar um pequeno recipiente e colocar meio de água e após isso coloque o inhame lá dentro até ganhar raízes.

Preparação do cultivo do inhame

Preparação do cultivo do inhame

Lembramos que deve colocar nessa posição e que a água não deve ultrapassar o meio da planta. Veja na imagem como ele começa a ganhar essas raízes brancas, é bom sinal!

Assim o inhame vai brotar de forma incrível, e vai ficar totalmente preparado para o plantio.

Caso não faça este processo a probabilidade de ter sucesso de plantio fica quase nula.

É uma dica super útil que pode utilizar noutras plantas também, como o abacaxi por exemplo.

Agora que temos a planta preparada basta colocar ela na terra, esta é a parte mais simples e mais entusiasmaste de todas pois vamos finalmente cultivar inhame em vaso/quintal (isto fica a seu critério, é como lhe der mais jeito).

Colocando inhame na terra

Colocando inhame na terra

Siga o exemplo da imagem acima e coloque o inhame na terra. Faça um pequeno buraco e coloque-o lá dentro, dessa mesma forma, tem de colocar a parte “redonda”, ou seja, o corpo da planta, para baixo, e deixar esse pequeno “bico” virado para cima pois é através dele que ele vai brotar.

Após isso basta fechar o buraco, deixar um pouco do “bico” de fora da terra e deixar a natureza fazer o seu trabalho!

Muda do inhame

Muda do inhame

A foto acima mostra um inhame com cerca de 270 dias, está pronto a ser transplantado, ou seja, para fazer a muda!

Caso plante logo num terreno maior não necessita de fazer a muda, desde que tenha espaço para se desenvolver não vai ter problema.


Mudas do Inhame

Caso plante inhame em vaso terá de fazer a muda entre 210 e 270 dias, isto porque ele vai ficar demasiado grande e vai precisar de mais terreno para continuar a desenvolver. Caso não tenha terreno e o seu inhame comece a ficar demasiado grande para o vaso terá de o mudar para um vaso ainda maior.

Fazer a muda é extremamente importante para o desenvolvimento do vegetal.


Solo / Clima

Recomendamos que arranje um terreno bem drenado, descompactado e se possível arenoso. Estas são as 3 características principais para ter sucesso a como plantar inhame.

Tal como falamos acima pode utilizar um vaso ou pode ser num pequeno quintal. Queremos deixar o aviso que se optar por utilizar um vaso terá de escolher um vaso fundo, com pelo menos 40cm de profundidade, só assim é que esta leguminosa se vai desenvolver rápida e adequadamente.

Quanto ao clima… Ele gosta de clima quente, com exposição solar, mas não em demasia.

Coloque num local onde não esteja sombra o dia todo, ele precisa de sol para se desenvolver corretamente.


Rega

Tente manter a terra sempre húmida, mas nunca encharcada, recomendamos que regue de 2 em 2 dias ou 3 em 3 dias. Nunca deixe a terra secar por completo, mas tal como dissemos anteriormente tenha em atenção para não encharcar o terreno.

O PH recomendado é entre 5 e 6, isto para quem desejar ser mais técnico e específico.

Aprenda a plantar também:


Vídeo de como plantar inhame

Aprender a como plantar inhame é simples, mas mesmo assim vamos deixar abaixo um vídeo com o passo a passo. Queremos dar os créditos deste artigo a esse vídeo pois foi de lá que retiramos as imagens da evolução da planta.

Esperamos que tenha gostado, ficamos a aguardar o seu comentário no artigo!

<< voltar para Como Plantar

Frutas Hortaliças Vegetais

Como Plantar Chuchu

Como Plantar Chuchu

O Chuchu é uma fruta-hortaliça que ainda não tem muita fama devido ao desconhecimento das suas características contra várias doenças, tais como hipertensão, problemas renais, urinários e muito mais.

Para além de ser extremamente rico em águas e fibras é um excelente complemento para várias dietas, e é aí que ele se está a expandir.

Para além de ser algo extremamente simples de plantar é algo que também se desenvolve muito rapidamente e facilmente, e para que isso aconteça basta existir apenas alguma sobra e um local por onde ele possa trepar.

Ainda me lembro dos Chuchus que a minha mãe plantava, ela colocava-os perto de alguma árvore e eles cresciam como nunca vi! Trepavam a árvore até ao cima e davam centenas de chuchus apenas a partir de 1 única semente.

É algo que dá muito pouco trabalho, por isso vale a pena.

Sechium eduleé uma hortaliça-fruto, ou seja, um vegetal da categoria dos frutos, conhecido pelos nomes comuns de chuchumachuchocaiota (Açores) e pimpinela (ilha da Madeira). Existe em abundância na ilha da Madeira, principalmente junto aos cursos de água (ribeiras e nascentes). Em países latinos é conhecido como Chayote, enquanto em países de língua inglesa é conhecido por christophene, vegetable pear, mirliton, choko, starprecianté, citrayota, chow chow (India) or pear squash.

DE: Wikipédia – Chuchu

Vale a pena o plantio de Chuchu?

Vale a pena o plantio de Chuchu?

Saber como plantar chuchu não é nada de especial, pois o processo é simples, e só esse “baixo” risco já faz valer a pena!

Vale muito a pena pois uma única semente é o suficiente para uma “árvore” gigantesca que dá centenas desses frutos.

Quem não gosta de os comer, ou porque não gosta do sabor ou dos efeitos, poderá utilizar para dar aos animais, tal como a minha mãe fazia, e ainda faz.

Pode cozer e dar aos porcos, galinhas, ovelhas, coelhos e muito mais.

Mesmo que não seja para consumo próprio, cultivar chuchu vale muito a pena devido à sua simplicidade e a quantidade de frutos que uma só árvore consegue originar.

Fatores que temos de ter em atenção para cultivar Chuchu

Tal como fazemos em todos os artigos do Como Cultivar, vamos apresentar a lista dos fatores mais importantes.

Segue a lista e lê o desenvolvimento de cada ponto, é muito importante para quem quer uma colheita final de sucesso!

  • Clima;
  • Ambiente;
  • Solo;
  • Espaçamento;
  • Adubação;
  • Colheita.

Como plantar Chuchu

Cultivar chuchu

Vamos explicar cada um dos pontos acima, servem para as pessoas que querem colocar apenas um Chuchu no quintal ou para quem pretende produzir em massa para vender, por isso esteja atento/a a todos os detalhes.

Clima

O clima que o chuchu gosta é de climas amenos, nem muito sol nem muito frio. A neve é horrível para o seu desenvolvimento, por isso caso esteja neve no local onde vai começar o seu plantio é melhor não começar este projeto.

Para além da neve as chuvas fortes e ventos extremos tem a capacidade de arrancar a flor que dá origem ao fruto, fazendo com que não nasça nenhum fruto.

Ambiente

Uma temperatura entre 15 ºC e 25 ºC é o ideal para o bom desenvolvimento deste fruto.

Recomendo plantar num local com alguma exposição ao sol, mas pouca, isto porque a “árvore” do chuchu gosta de sombra, assim elas desenvolve-se adequadamente e com frutos maiores e de melhor qualidade.

Se vive em Portugal ou no Brazil poderá plantar sem qualquer problema, em principio o seu crescimento não será afetado pelas baixas/altas temperaturas.

A minha mãe é de Portugal e todos os anos planta alguns chuchus, e mesmo regando poucas vezes e tendo poucos cuidados eles desenvolvem-se de forma simplesmente surpreendente!

Solo

Solo adubado é praticamente indispensável para qualquer tipo de plantação.

Se preferir pode utilizar adubo comprado em qualquer centro agriculto, cinzas de fogueira, ervas a apodrecer ou estrume dos animais.

A minha mãe sempre utilizou estrume dos animais para fertilizar as terras, e deita sempre no local onde planta o chuchu, e os efeitos são arrasadores, muito bom mesmo!

Espaçamento

O espaçamento vai depender muito de como você os planta. Poderá plantar numa estrutura própria (tipo uma estufa) ou a beira de árvores onde eles se possam agarrar e trepar até não conseguirem mais.

Seja qual for a sua opção deixamos a parte do espaçamento ao gosto de cada um.

Os chuchus nascem tipo abóboras, da rama, por isso poderá utilizar um espaçamento semelhante.

Colheita

Poderá realizar a colheita entre 80 a 150 dias após ter feito a plantação.

Neste altura o chuchu já deve estar totalmente desenvolvido e pronto a colher e comer.

Se preferir que o fruto fique mais maduro deixe atingir os 150 dias, caso pretenda colher mais verde poderá começar a colher quando eles fizerem 80 dias após terem sido plantados.

Lembramos que cada caso é um caso e que devido a uma grande variedade de fatores a colheita pode ser influenciada positiva e negativamente umas em relação as outras.

Se o ambiente, temperatura e solo forem os adequados eles desenvolvem-se mais rapidamente, e o contrário também acontece claro.

Concluindo…

Já sabe como plantar chuchu? Este foi um artigo pedido de um senhor que leu o nosso outro artigo de como plantar cebola de cabeça, se estiver interessado/a poderá dar lá uma olhada também.

Lembramos que o plantio deste fruto é extremamente fácil e qualquer pessoa o pode fazer na sua própria casa, por isso se está a pensar começar a sua própria horta não existe nada melhor que o Chuchu!

Caso não goste do sabor e/ou dos seus efeitos poderá utilizar também para alimentar os animais, poderá dar-lhes cru ou cozido, normalmente eles adoram o sabor!

Esperamos que tenha gostado deste tutorial de ajuda e que tenha aprendido de uma vez por todas a como ter a sua própria plantação, na sua própria casa (ou quintal claro!).

Se tiver qualquer dúvida ou opinião pessoal a fazer poderá utilizar os comentários abaixo para a expor. Caso seja algo mais específico e não queira que se torne público poderá optar também por utilizar o nosso formulário de contacto.

Vamos tentar responder num prazo máximo de 24 horas.

Abraço e boa sorte na sua plantação de Chuchu! 🙂

<< voltar para Como Plantar

Vegetais

Como plantar cebola de cabeça

como cultivar cebolas

Neste artigo vamos mostrar o passo a passo de como plantar cebola de cabeça.

Este vai ser um dos artigos que vai dar mais gostos escrever pois plantei imensas cebolas com a minha mãe quando era novo, e se existe coisa que eu domino é a agricultura.

Costumo saber diversos truques de plantio pois aprendi a ver e a fazer, fui descobrindo por mim próprio e com os meus truques que ia aplicando e vendo se dá certo.

A cebola pertence a espécie de Liliaceae e presente à família Amaryllidaceae.

Se quer aprender a plantar cebola de cabeça está mesmo no local certo pois não lhe vou passar uma teoria de “enche chouriços” com montes de coisas inúteis, vou direto ao assunto para que tenha o melhor cultivo de sempre!

Caso esteja a começar a sua horta recomendamos que tenha presente várias plantas caseiras indispensáveis na sua cozinha. Poderá conferir um dos nossos últimos artigos onde ensinamos a como plantar cenouras, aposto que vai adorar!

Vamos dar as dicas, começando do zero, apenas com a semente, desde o semeio da cebola até à sua plantação e colheita.

Como plantar cebola de cabeça – Passos necessários

Existem alguns passos necessários para este plantio, desde as sementes até à colheita, vamos mostrar todos eles, por ordem.

  • Semear as sementes da cebola;
  • Colher quando estiverem grandes;
  • Transplantar para um terreno maior;
  • Plantar, regar, tratar e colher!

Vamos começar por ordem…

Semear as sementes da cebola

Como plantar cebola de cabeça

Estou a partir do principio que você não percebe nada de como plantar cebolas de cabeça e quer começar do zero. Pode comprar logo cebolas para plantar ou pode semear a sua semente e plantar da sua colheita, o que eu acho formidável e mais recomendado.

Primeiro precisa arranjar as sementes, poderá comprar em qualquer super mercado.

Após isso terá de arranjar um pequeno pedaço de terra, e tratar o terreno antes de deitar lá as sementes.

Recomendo que tire todas as ervas e que deixe a terra sem nada a obstruir, tal como paus, pedras e/ou outras raízes de outras árvores que lá tenha plantado.

Após ter o terreno preparado espalhe as sementes que comprou na terra, e de seguida com a ajuda de um pequeno “enxinho” (é assim que se chama na minha terra) espalhe terra por cima das sementes, de modo a cobri-las por completo (deve deitar pelo menos 1 CM de terra por cima das sementes).

Após isso basta regar 4 a 5 vezes por semana.

Como Plantar Cebola de Cabeça – Cuidados a ter

Um cuidado que deve ter são os pássaros, eles adoram terreno semeado porque sabem que existem sementes para eles comer.

Faça uma pequena cobertura ou coloque algumas bancos folheados em cima do terreno de modo a evitar que eles lhes levem as sementes todas.

Colher as cebolas das sementes quando estiverem grandes

Após cerca de 4 a 8 semanas terá pequenas cebolinhas no seu talho de cebolas, e quando isso acontecer terá de as transplantar pois vai notar que elas vão nascer todas em cima umas das outras.

Para isso arranque uma a uma e junte-as todas, mas apenas faça isso quando estiver com disposição de as transplantar pois não as deve deixar durante a noite fora da terra.

Elas podem ser removidas quando tiverem cerca de 10CM, mas o tamanho depende muito da pessoa, se quiser mais grande espere que cresça e pronto, é simples!

Após colhidas podemos avançar para o próximo passo.

Transplantar para um terreno maior

Quando se fala em como plantar cebola de cabeça é sempre indispensável pensar no transplante. É obrigatório!

Agora que as cebolas começam a desenvolver-se temos de lhe dar mais espaço para que elas consigam ficar maiores e bem ao nosso jeito!

Para que isso aconteça das precisam de terra em fartura, e como tal vamos ter que transplantar par outro local.

Prepare o terreno tal como fez anteriormente, e abra regos e coloque as cebolas com um espaçamento de 5CM a 15CM entre cada uma.

Poderá adubar o terreno antes de transplantar, assim elas vão crescer mais rapidamente e ainda maiores e mais fortes.
Aproveite esta dica, ela vale ouro!

Após isso basta cobrar a cabeça delas com terra e está feito!

como plantar cebola de cabeça

Pode ver na imagem como tem que fazer.

Pode reparar que tem uma espécie de cinza branca nos regos, isso é cinza de fogueira, é um excelente fertilizante que pode utilizar para aumentar o ritmo de crescimento do seu cebolo.

Plantar, regar, tratar e colher

Estamos quase a terminar o nosso artigo sobre como plantar cebola de cabeça… Continue, está quase a ver o resultado final!

Agora que já está tudo a postos e as cebolas estão no rego terá de cuidar delas com todo o cuidado possível!

Na verdade o trabalho não é muito pois basta regar e ir tirando algumas ervas que aparecem no seu caminho.

Regue pelo menos 1 vez por dia, caso o tempo seja quente, caso não seja poderá regar de 2 em 2 dias ou de 3 em 3 dias.

Não mantenha os regos sempre encharcados, mas também não os mantenha muito tempo secos.

Se a rama da cebola estiver verdinha é sinal que elas estão com saúde, caso esteja a ficar amarela é sinal que precisam de mais água e/ou provavelmente algum adubo.

Como saber quando colher?

Já sabe como plantar cebola de cabeça, certo? Então agora tem de saber quando é a altura ideal para as colher.

Na verdade é bastante fácil da saber, para isso basta ver a sua rama.

Quando ela está muito grande significa que a sua raiz também está e o que tem de fazer é arrancar uma ou duas para verificar como está o seu crescimento.

Deverá colher todas elas e deixar a secar cerca de 3 dias ao sol, isto para secar a rama da cebola e poder fazer cabos, de modo a colocá-las todas “em fila”, tal como vai poder ver na imagem abaixo:

Cabo de cebolas

Saber como plantar cebola de cabeça leva o seu tempo… Mas a preparação e organização também o leva!

Os “cabos” são opcionais, mas é a maneira mais simples e correta de as organizar de modo a que não andem todas espalhadas pelo chão.

Existe também quem faça “cabos” mais simples, junta a rama de um molho de cebolas e amarram-na com um fio ou com uma fiteira, e fica pronto!

Para quem não tem o talento de conseguir fazer os cabos pode fazer como na imagem abaixo, junte todas as ramas e depois é só amarrar!

amarrar cebola de cabeça

E que tal, gostou do artigo?

Esperamos que sim! Caso tenha qualquer dúvida ou sugestão para fazer não hesite em comentar abaixo, teremos o maior gosto do mundo em lhe responder. 🙂

E então, já aprendeu a como plantar cebola de cabeça passo a passo? Esperemos que sim!

<< voltar para Como Plantar

Vegetais

Como plantar cenouras

como plantar cenouras

Como plantar cenouras pode ser incrivelmente simples se seguir as dicas corretas!

Quem adora cenouras? Eu, e você também, não é mesmo?

É impossível não gostar visto que pode ser preparada de diversas maneiras, possíveis e impossíveis, e é sem dúvida alguma uma das hortaliças mais adoradas em todo o mundo, e com bastantes motivos para isso, não é mesmo?

No nosso site gostamos de ensinar a cultivar algumas das frutas, especiarias, flores e vegetais mais utilizados nas vossas cozinhas, isto porque alguns deles nem sempre estão disponíveis no mercado (pelo menos com a qualidade que desejamos) e também porque quando estão o preço nem sempre é do nosso agrado.

Já viu como é bom precisar de uma cenoura e poder ir buscar ao nosso quintal? Sem pagar nada por isso e a saber que está a comer o que é seu?

Uma das grandes vantagens de plantar em casa é isso mesmo, é que assim sabe o que come e sabe que os alimentos que está a comer, e a dar aos seus filhos e familiares, não estão cheios de produtos químicos que nos fazem um mal terrível à saúde.

Vamos ensinar a como plantar cenouras tenras e grandinhas (grandes) com u sabor único!


Como Plantar Cenouras… Quais as melhores?

Tal como referido no sub-título acima existem diversos tipos de cenouras, mas o modo como as plantamos praticamente não varia de umas para outras.

Temos as mais compridas, as mais curtas e as mais larguinhas e gordinhas.

Isso depende do tipo de cenoura que comprar para semear e/ou plantar.

Recomendamos sempre que escolha o tipo de cenoura que mais utiliza em casa, pois estará a plantar par utilizar na sua cozinha e uma das vantagens de ter o seu próprio quintal é escolher aquilo que vai plantar para depois comer.

Fatores importantes para aprender a como plantar cenouras

Tal como fazemos em todos os artigos do Como Cultivar, vamos apresentar a lista dos fatores mais importantes.

Segue a lista e lê o desenvolvimento de cada ponto, é muito importante para quem quer uma colheita final de sucesso!

cultivar cenouras

Fatores a ter em atenção:

  • Clima;
  • Ambiente;
  • Solo;
  • Espaçamento;
  • Plantio;
  • Produção;

Clima

A temperatura ideal para plantar cenouras é entre 16°C e 22°C, mas aguentam temperaturas inferiores sem qualquer problema.

Uma das grandes vantagens das cenouras é que se aguentam em baixas temperaturas, isto porque a folhagem de cima pode morrer, mas a raiz (que é a cenoura!) continua viva e a desenvolver-se.

Apenas não se recomenda plantar cenouras se a temperatura for inferior a 7ºC, mas estas temperaturas dificilmente se atingem no Brasil e em Portugal, por isso pode ficar descansado/a.

Tenha também atenção que não é recomendado fazer a sua horta de cenouras se as temperaturas do local onde as vai colocar ultrapassar os 30ºC, isto porque elas vão crescer na mesma, mas o sabor da raiz pode desaparecer, ficando assim com umas cenouras sem sabor!

Para quê ter um quintal em casa se os nossos “rebentos” não têm sabor? 😀

Por isso tenha bastante atenção ao clima quando pensar em como plantar cenouras!

Ambiente

Tal como já deve ter reparado o ambiente está diretamente associado ao clima. O ambiente ideal para as suas cenouras é mesmo ao sol.

Poderá optar por colocar a sua plantação um pouco á sombra, mas nunca demasiado pois elas não gostam de temperaturas muito baixas, tal como foi falado acima.

Mantenha-as sempre entre os 16ºC e os 22ºC e terá a melhor plantação de cenouras da sua vida! Quer apostar? Experimente e depois vai ver como os nossos agricultores têm razão!

Solo

O solo deve ser leve, profundo e rico em matérias orgânicas.

Agora já está aprendendo a como plantar cenouras, não é mesmo?

Quando falamos num solo leve estamos-nos a referir a um solo limpo, sem quaisquer tipo de pedras nem ramificações pelo meio, isto porque como a cenoura é raiz qualquer tipo de obstrução na terra pode resultar num mau desenvolvimento dessa mesma raiz.

Se quer ter cenouras direitinhas terá de optar por um solo leve, profundo e rico em matérias orgânicas.

Limpe sempre todas as pedras e raízes do local, não se esqueça disso pois é algo fundamental que muitas pessoas deixam passar.

Espaçamento

Se quer aprender a como plantar cenouras da maneira correta deve ter grande atenção ao espaçamento.

Elas devem ficar a uma profundidade de 23 cm e espaçadas em filas com uns 15 cm de separação entre cada uma.

Esses são os valores de referência recomendados pelos nossos agricultores, porém podem ser ligeiramente alterados por si.

Muitas pessoas gostam de utilizar os seus próprios valores de espaçamento, e não existe nada de mal com isso, pois a vantagem de termos a nossa própria horta é podermos fazer as nossas próprias regras e obter frutos de todo o nosso fabuloso trabalho.

Como plantar cenouras

As sentes tem de ser semeadas/plantadas diretamente no local, pois não se costuma passar cenouras de uma terra para outra após ela se desenvolver, elas não lidam bem com mudanças.

Poderá cultivar num jardim/horta ou em vasos.

Muitas pessoas optam por vasos e/ou pequenos locais devido à falta de espaço para plantar, e por vezes porque moram em apartamentos, e se for o seu caso poderá perfeitamente fazer uma pequena caixinha ou utilizar um vaso para cultivar as suas cenouras.

O resultado vai ser brilhante, para além de ter umas cenouras lindas e saborosas vai ter também um vaso bem enfeitado que até vai dar vida à sua casa! 🙂

Produção / Colheita

Aprender a melhor forma de como plantar cenouras é excelente, mas a colheita é ainda melhor!

Normalmente pode iniciar a colheita após 60 dias da plantação, mas esse prazo por ser mais longo/curto dependendo do tipo de cenoura que decidir plantar.

O prazo normal é de 60 a 120 dias.

A colheita é realizada uma vez por ano, e para a fazer basta arrancar a cenoura pelas ramificações superiores, com bastante cuidado que é para as ramas não partirem e deixarem a raiz (a cenoura) na terra.

Após fazer todo este trabalho vai obter umas maravilhosas cenouras para utilizar em todos os seus cozinhados!

E de uma coisa pode ter certeza, nunca vai provar cenouras tão tenras e saborosas como as que você própria/o planta na sua casa.

Se tiver qualquer dúvida ou comentário os nosso agricultores terão todo o gosto em responder, basta deixar abaixo.


Mais plantios:

Tal como viu é incrivelmente simples aprender de forma fácil a como plantar cenouras na sua própria casa!

Aguardamos o seu comentário neste artigo com dúvidas e imagens da sua maravilhosa hora.

<< Voltar para Como Plantar

Vegetais

Como plantar alface

alface

Quantos de nós não adora alface? Eu por mim comia todos os dias, mas o problema é que nem sempre encontra as melhores alfaces à venda no super-mercado. É por esse motivo que vamos ensinar a como plantar alface!

A alface pertence ao reino Plantae e ao género Lactuca e é muito desejada nas mesas de todos os Brasileiros!

Por vezes o preço da alface é demasiado elevado, e a qualidade nem sempre é boa, e deixa muito a desejar.

Para além disso as alfaces do mercado estão cheias de produtos químicos que fazem mal caso não sejam bem removidos, e devido a isso torna-se casa vez mais necessário produzirmos os nossos próprios vegetais em casa.

Mesmo a pensar nisso decidimos publicar este artigo que o/a vai ajudar a cultivar alface de forma simples, rápida, eficaz e na sua própria casa, quase nem precisa de terreno para o fazer pois até a pode plantar em vasos de barro ou metal!

Caso esteja interessado/a pode dar uma olhadela no nosso último artigo onde ensinamos a como plantar jiló! O artigo tem tido imensa aderência, principalmente no Brasil, por isso experimente, aposto que vai adorar!

Como plantar alface – Fatores que temos de ter em atenção

Tal como costumamos fazer nos nosso outros artigos, vamos colocar tudo por pontos, referenciando tudo o que precisa saber para realizar uma boa plantação e consequentemente obter uma excelente colheita deste produto.

Como Plantar Alface

Como Plantar Alface – Fatores a ter em atenção:

  • Clima;
  • Ambiente;
  • Solo;
  • Espaçamento;
  • Plantio;
  • Produção;

Vamos falar acerca de cada um deles, de modo a que seja mais fácil para si organizar todas as ideias e tornar assim tudo o mais simples possível.


Clima

O clima varia muito de alface para alface. Isto porquê? Porque existem vários tipos de alface, mas vamos colocar aqui os valores de referência que servem praticamente para todos os tipos de alface.

Elas devem ser plantadas entre os 10°C e 24°C. Gostam de temperaturas elevadas, mas não demasiado, caso contrário podem “espigar” e não dar alfaces boas.

Tente regar pelo menos 1 vez por dia, mantendo-as hidratadas, assim elas nascem mais fortes e mais verdinhas.


Ambiente

O ambiente é muito importante para quem está a aprender a como plantar alface.

Tal como referido em vários dos nossos artigos o ambiente é extremamente importante, ele está diretamente ligado ao clima.

Esta planta gosta de muita luz, e odeia o frio, por isso tem de ser num ambiente ameno, tal como referido anteriormente.

Poderá plantar a qualquer hora do dia.


Solo

Existem pessoas que perguntar “O solo é importante para saber a como plantar alface?”, a resposta é óbvia: É sim!

Um solo fértil é indispensável para qualquer tipo de plantação, não é mesmo? E para as alfaces é exatamente a mesma coisa!

O solo deve ser bem rico em matéria orgânica e a faixa de pH ideal para o solo é de 6 a 7.

Tenha atenção ao PH, muitas pessoas ignoram, mas é um fator extremamente importante relativo ao solo, nunca o deixe de parte de modo algum.


Espaçamento

O espaçamento não é algo muito crítico, ou seja, não é algo que vá influenciar muito o seu crescimento, e normalmente um espaçamento a olho é o suficiente para plantar alface.

Mesmo assim, para que nunca fez nenhum tipo de cultivo, vamos dar os valores de referência que os agricultores do Como Plantar utilizam.

Deixe um espaçamento de 10cm a 20cm entre cada uma, é o espaço suficiente para que as alfaces se desenvolvam adequadamente.

Existem quem prefira optar por plantar alfaces em casa, em vasos ou copinho de papel e/ou plástico, pode fazê-lo sem problemas!

Pode começar por semear no copinho e depois plantar num espaço mais aberto, ou num copo de maior diâmetro, pois é importante a alface ter terra para conseguir absorver todos os nutrientes necessários para conseguir se desenvolver adequadamente.


Plantio

Em clima ameno as alfaces podem ser plantadas num local definitivo, que não seja necessário transplantar, pois elas aguentam todo o seu crescimento no mesmo local, sem ficarem murchas ou espigarem.

Isto vai depender da forma de como plantar alface. Se tiver num clima mais frio é recomendado plantar/semear num copinho até que elas se desenvolvam adequadamente e apenas após elas crescerem, e apenas após isso, poderá transplantar para um local definitivo.

Mas isto porquê? Porque caso as tente semear logo na terra sem estarem abrigadas e protegidas do frio e do orvalho elas vão acabar por não se desenvolverem, ficam queimadas e/ou podem espigar, ficando não comestível.


Produção/Colheita

Estamos a chegar ao final deste tutorial sobre como plantar alface, mas vamos continuar pois esta é a melhor parte!

A colheita deve ser feita entre 55 e 130 dias depois da semeadura. Em algumas cultivares fazem a colheita após elas atingirem os 2,5cm de altura (pelo menos), pode seguir esse valor de referência caso esteja interessado.

Agora fica a seu critério se gosta da folha mais tenra ou mais durinha, caso goste dela mais tenra faça a colheita mais cedo, com as alfaces ainda “bebes”/a desenvolver, e caso goste das folhas mais durinhas deixe mais tempo na terra que o próprio tempo encarrega-se de a deixar mais dura e persistente.

A mesma coisa acontece com o tamanho da alface, quanto mais tempo deixar na terra sem colher mais ela cresce, mas tenha atenção pois caso deixe tempo demasiado ela vai acabar por espigar e acaba por ficar não comestível, arruinando assim todo o seu trabalho de agricultura.

E então, já sabe como plantar alface de forma simples e rápida? Esperamos que sim! Qualquer dúvida basta deixar um pequeno comentário no artigo!


Também interessante:

<< voltar para Como Plantar