Navegando a categoria

Hortaliças

Hortaliças

Como Plantar Salsinha em vaso ou garrafa pet

Neste artigo vamos ensinar-lhe como plantar salsinha em vaso e dar-lhe as dicas e informações sobre os cuidados necessários. Crescer salsa em casa em uma janela ensolarada é fácil e ela também pode servir como decoração.

Quando plantar a salsinha

Comece a plantar a  salsa em vaso no início da primavera, quando sentir o calor no ar, geralmente entre 6 a 10 semanas antes da última geada esperada. Plantar após esta data também não será um problema com a salsa.

Se vive em um clima quente, comece a plantar após o fim do verão, no outono e inverno, quando o clima começa a arrefecer.

Como plantar salsinha a partir das sementes

As sementes de salsa são conhecidas pela sua baixa e lenta taxa de germinação. Elas podem demorar até 6 semanas a germinar e por vezes até mais. Portanto, espere entre 3 a 5 semanas para ver um pequeno caule saindo do solo. Para uma germinação mais rápida, molhe o solo das sementes durante a noite.

Coloque as sementes da salsa a uma profundidade de meio centímetro até um centímetro e meio nos vasos desejados, visto que a salsa tem uma raiz principal longa e não gosta de ser transplantada.

A temperatura ideal para a germinação situa-se entre os 15 °C e os 27 °C.

Você também pode propagar salsa a partir de cortes de uma planta maior. Para isto, corte um caule com 7 a 12 centímetros com várias folhas saudáveis no topo e coloque-o no vaso com 2 centímetros de profundidade. Mantenha a umidade e deixe o corte numa zona com sombra, que receba luz de forma indireta. Terá de esperar algumas semanas até que surjam as raízes.

Tipos de salsinhas que pode cultivar

Existem 3 tipos de salsinha usados regularmente na cozinha. São elas:

  • Salsa de folha lisa: esta variedade tem um sabor mais vibrante, forte e doce do que qualquer outro tipo de salsa e é por isso a mais usada na cozinha. Cresce mais alto e precisa de um vaso maior para se espalhar, quando comparando com os tipos restantes. Para além disto, ela é mais tolerante ao calor.
  • Salsa de folha crespa: a salsinha de folha crespa tem um sabor doce e suave. É usada, principalmente, em saladas e na guarnição. É mais pequena em termos de tamanho e tem um crescimento mais controlado.
  • Salsa de hamburgo: muito cultivada na Europa, ela é fácil de plantar, cultivada por suas raízes inchadas e comestíveis que podem ser usadas como vegetais, enquanto que suas folhas podem ser usadas como as folhas da salsa de folha lisa. O crescimento é semelhante ao das outras variedades.

Escolhendo o vaso

como plantar salsinha em vaso

Para aprender como plantar salsinha em vaso é importante que você saiba quais os requisitos do vaso ou garrafa pet.

A escolha do vaso é uma parte muito importante deste tutorial sobre como plantar salsinha em vaso. A salsinha é uma erva bienal, mas também é cultivada como anual. Se a vai cultivar como anual, você pode escolher um pote com um mínimo de 20 centímetros de profundidade. Para crescimento bienal, um vaso largo com 25 a 30 centímetros de profundidade é suficiente. Você pode até colocar duas salsinhas no vaso neste último caso.

Requisitos em como plantar salsinha em vaso

Posição

Ao plantar salsinha num vaso, escolha uma localização com uma boa exposição solar ou parcialmente sombreada se vive num clima moderadamente quente.

Se você vive em um clima tropical ou subtropical quente, mantenha a planta em um local que receba sol de forma parcial.

Solo

Compre um solo de qualidade, rico em matéria orgânica, argiloso e bem drenado. Pode adicionar algum composto, como esterco de galinha, para ajudar no crescimento da planta.

Rega

Regue a salsinha regularmente e de forma homogênea para deixar o solo um pouco úmido, mas não molhado o tempo todo. Você terá de encontrar um balanço e não pode deixar o solo secar por completo nem regar excessivamente.

Fertilizante

Aplicar um fertilizante não será necessário se o solo é rico em matéria orgânica. Adicionar esterco ou outro composto é suficiente. No entanto, você pode usar um fertilizante líquido duas vezes por semana se vir que o crescimento da planta está abaixo do normal.

Cuidados a ter com a salsinha

Pragas e doenças

Manchas nas folhas e podridão radicular são algumas das doenças mais comuns. Você pode salvar sua salsinha da podridão radicular e em outras partes, evitando a rega excessiva.

Minhoca de salsa, pulgões, ácaros e roscas podem afetar esta erva, então fique de olho neles.

Cultivando salsa todo o ano

Cultivar a salsinha dentro de sua casa é uma boa forma de a fazer crescer durante todo o ano. A planta vai sobreviver as temperaturas médias das divisões de sua casa e você vai conseguir fazer a colheita de algumas folhas no inverno se deixar o vaso numa janela que receba diretamente algumas horas de luz solar por dia.

Colheita

salsa colhida

Se você conseguir colocar este artigo sobre como plantar salsinha em vaso em prática, poderá colher regularmente salsinha para tornar sua comida ainda mais saborosa.

Colha as folhas da salsinha quando necessário. Você pode começar a colheita 2 a 3 meses depois de plantar. Espere até que o caule se divida em 3 secções. Em vez de colher apenas as folhas do topo, corte uma secção do caule a partir da base, uma vez que eles também são comestíveis e bastante saborosos. Faça isto a partir da porção exterior e deixe a interior crescer.

Esperamos que tenha gostado deste artigo sobre como plantar salsinha em vaso. Você pode facilmente aplicar este artigo, mas usar garrafas pet em vez de vasos. Terá de ter apenas atenção à profundidade, que terá de ser entre 20 e 30 centímetros.

Se ainda tiver dúvidas sobre esta erva, você pode visitar nosso artigo em que ensinamos como plantar salsinha.

Hortaliças

Como Plantar Beterraba

Como Plantar Beterraba

A beterraba é um tubérculo que possui diversas propriedades nutricionais e medicinais. De sabor adocicado, a beterraba é muito consumida como acompanhamento de salada, crua, ralada, mas também pode ser preparada de outras formas. Neste artigo você vai receber todas as informações sobre como plantar beterraba em casa, para ter esse importante alimento em sua dieta.

Com poucas calorias (40 kcal a cada 100 gramas), a beterraba possui diversos antioxidantes que ajudam a combater os radicais livres que degradam as células e aceleram o envelhecimento. Além disso, ela possui vitaminas A, do complexo B e C, tendo ação anti-inflamatória, digestiva, diurética e revitalizante, além e ser um ótimo desintoxicante natural.

Para você que quer entender como plantar beterraba, é importante saber que a maioria dos exemplares são vermelhos ou possuem uma cor vermelha-arroxeada.

Mas vale destacar que há também cultivares nas cores amarela, alaranjada e branca. No caso da beterraba vermelha, é extraída a betanina, substância usada como corante vermelho para os alimentos e presentes em produtos industrializados como sorvetes e molhos de tomate.


Os diversos tipos de beterraba

Como Plantar Beterraba

A beterraba, da família das herbáceas, mais conhecida, de tipo olerácea, tem origem em espécies selvagens como a beterraba do mar ou beterraba-marítima, que é localizada no litoral europeu, norte da África, sul da Ásia e nas ilhas portuguesas de Açores e da Madeira. Mas há também outras plantas cultivadas com o mesmo ancestral selvagem, é o caso da beterraba-açucareira, beterraba-forrageira e a acelga.

A beterraba-forrageira é muito plantada para servir de comida para o gado, ainda que possa ser consumida pelos humanos, em especial se for colhida ainda jovem. Elas normalmente são cultivares maiores do que os exemplares das oleráceas e suas raízes podem variar entre branco, amarelo, alaranjado ou o vermelho clássico.

Importante destacar que as beterrabas são plantas bienais, isto é, normalmente florescem no segundo ano. No entanto, se a época estiver sob um período de temperaturas baixas no inverno e verão com dias longos, ode ocorrer dela não florescer.


Como plantar beterraba: clima, luz, solo e irrigação

O melhor clima para o plantio da beterraba é o ameno, em temperaturas que variem de 10ºC e 24ºC. Apesar disso, há cultivares que vão bem em temperaturas mais altas.  Porém, as espécies açucareiras e forrageiras não crescem satisfatoriamente em climas mais quentes. Vale salientar que, quando as plantas já estão mais crescidas, podem suportar temperaturas mais baixas e até mesmo geadas.

Para uma boa colheita da beterraba, é necessário que ela seja plantada em um local que receba uma boa luminosidade por pelo menos algumas horas do dia.

Para compreender como plantar beterraba corretamente, é fundamental prestar a atenção quanto ao solo. Ele deve ser bem drenado, profundo e leve. Fértil e rico em matéria orgânica, ele não deve conter pedras ou qualquer outro tipo de detrito. O pH ideal do solo é entre 6 e 7,5.

Uma dica bacana para que você possa se dar bem nessa empreitada de como plantar beterraba é garantir com que o solo seja rico, natural ou artificialmente, de boro. Isso para que as plantas cresçam mais e melhor. Caso ele tenha que ser adicionado artificialmente, basta adquirir adubos que contenham boro, ou então colocar boráx no solo.

É importante manter o solo sempre bem úmido, portanto, cuide bem da irrigação, para garantir que as plantas cresçam de forma satisfatória. Mas cuidado: não deixe o solo encharcado, pois pode causar o efeito contrário.

Aprenda a plantar também:


Entenda como plantar beterraba

É importante para compreender como plantar beterraba que são os glomérulos dos frutos que são plantados. Cada um deles contém algumas sementes, o que faz com que seja preciso retirar o excesso de plantas quando as mudas atingem de 5 cm a 10 cm de altura.

É necessário semear no solo a uma profundidade de 1 cm, de preferência no local definitivo da horta. Isso ocorre porque a beterraba é muito sensível e pode sofrer alguns danos no transplante. Apesar disso, é possível semear em outras sementeiras e outros recipientes, por exemplo. Esse transplante pode ser feito a partir do momento em que as mudas alcancem 5 cm de altura. Importante lembrar que a germinação das sementes leva de uma a três semanas.

Outro item a se tomar cuidado é com o espaçamento na hora de ver como plantar beterraba. A espécie olerácea deve ser plantada com espaçamento de 30 cm entre as linhas de plantio e de 5 cm a 10 cm entre os cultivares. No caso das açucareiras, o espaçamento pode ser de 30 cm a 60 cm entre as linhas e de 15 cm a 30 cm entre as plantas. A espécie forrageira necessita de um espaçamento maior, que varia de 40 cm a 10 cm entre as linhas de cultivo e de 15 cm a 60 cm entre os cultivares.

Um cuidado importante durante o processo é retirar as plantas invasoras que costumam roubar nutrientes. Além disso, evite deixar as raízes expostas, pois isso pode fazer com que elas endureçam. Cubra as raízes expostas com palha ou terra.

A colheita da beterraba olerácea costuma ocorrer entre 60 e 90 dias após semear o cultivar. Já no caso da espécie açucareira, a colheita leva mais tempo: de quatro a seis meses. Importante: não se deve atrasar a colheita, pois isso pode tornar as raízes fibrosas e comprometer o alimento.

Hortaliças

Como Plantar Couve

Se você adora couve e quer aprender de uma vez por todas a como plantar couve da forma correta tem mesmo de ler este artigo!

A couve é uma hortaliça bastante consumida entre os brasileiros. Famoso acompanhamento da feijoada, também compõe o conhecido prato português denominado caldo verde, que o Brasil adotou de sua antiga metrópole. Pode ser consumida cozida, refogada e até mesmo crua. Bastante barata e fácil de encontrar, a couve também tem caído nas graças daqueles que querem emagrecer e buscam sucos detox para limpar o organismo e perder uns quilinhos.

Essa procura tem crescido bastante, pois o consumo da couve oferece inúmeros benefícios à saúde. Rico em vitaminas e minerais, esse alimento ajuda também a fortalecer o sistema imunológico, além de favorecer a absorção de outros nutrientes durante a refeição.

Diante de tantas vantagens, vale incluir de forma mais sistemática o consumo de couve no dia a dia. E para que você tenha esse alimento em sua casa com mais tranquilidade e sem custos, vamos ensinar neste artigo como plantar couve.


Conhecendo um pouco mais a couve

Como Plantar Couve

Mas antes de falarmos sobre como plantar couve, é importante conhecermos um pouco mais sobre essa planta, suas características e condições mais favoráveis para o seu plantio. E começamos com uma curiosidade: as couves são da mesma espécie do repolho, da couve-flor e dos brócolis.

Mas ao contrário do repolho, por exemplo, que forma cabeça compacta de folhas, as folhas da couve são livres. Há exemplares com folhas de várias formas, podendo ser crespas, lisas largas ou estreitas. Existe também uma variedade nas cores: verde-escuras, verde-claras, brancas, roxas e rosadas.

Há exemplos de couves que são utilizadas como plantas de jardim ou mesmo para decoração de mesas. É o caso das couves-ornamentais ou mesmo dos repolhos-ornamentais.

Existem outras espécies, usadas no consumo humano e animal, tais como as:

  • Couves-manteiga;
  • Couves-galega;
  • Couves-crespas;
  • Couves-palmeiras;
  • Couves-tronchudas;
  • Couves-portuguesas;
  • Couves-forrageiras.

Como plantar couve: cuidados com o clima, solo e luminosidade

Uma parte do processo de como plantar couve é entender as condições existentes para realizar o plantio. Por exemplo, a couve costuma crescer de forma mais satisfatória em climas amenos ou frios. Há exemplos de alguns cultivares que, quando estão mais bem desenvolvidos, podem sobreviver mesmo em temperaturas negativas. Já outros se dão melhor em climas mais quentes.

No entanto, a couve em geral diminui seu crescimento e qualidade das folhas produzidas por conta do calor. O recomendado é realizar o plantio em regiões amenas, o que pode ser feito o ano todo, embora se evite o inverno para o início do cultivo.

É necessário se ter um cuidado especial com a luz em como plantar couve. E isso tem muito a ver com a questão do clima e as características da hortaliça. Embora seja indicado o cultivo em locais de alta luminosidade e com sol direto, ao mesmo tempo é sugerido que, durante as estações com temperaturas mais altas no ano, a planta fique em um local com sombra parcial nos períodos mais quentes do dia.

Outra condição importante para saber como plantar couve de forma satisfatória é o solo. Este deverá reter bastante a umidade, ao mesmo tempo em que deva ser bem drenado. É recomendável que a terra seja rica em matéria orgânica e com boa disponibilidade de nitrogênio. O pH do solo deve variar pouco, de 6 a 7,5.

A água é outro elemento importante durante o processo de crescimento do cultivar. É essencial que o solo receba água, mas não poderá ficar encharcado, sob o risco de afetar as raízes e favorecer o surgimento de doenças.

Aprenda a plantar também:


Como plantar couve: da semeadura à colheita

Como plantar couve corretamente e garantir uma boa colheita? É necessária atenção e cuidado durante esse processo, mas nada que torne difícil tal tarefa. Em primeiro lugar, o plantio pode ser feito com sementes ou por rebentos – que surgem de gemas auxiliares no caule principal – retirados da base das plantas na fase adulta.

No caso das sementes, elas podem ser aplicadas diretamente no local definitivo da horta ou mesmo em sementeiras para posterior transplante.

Este deverá ocorrer quando as mudas tiverem de quatro a seis folhas e pelo menos 10 cm de altura. Sugere-se privilegiar dias nublados e chuvosos ou fins de tarde para o transplante das mudas. Na horta, coloque as sementes a cerca de 1 cm de profundidade do solo. A germinação ocorre normalmente na primeira ou segunda semana.

O espaçamento pode variar, dependendo de cada espécie de couve. Porém, a recomendação geral é de 50 cm a 1 m entre as linhas de plantio e de 25 cm a 50 cm entre as plantas. A couve também pode ser plantada em vasos com pelo menos 25 cm de diâmetro de altura.

Atenção a possíveis plantas invasoras, que podem prejudicar o desenvolvimento da couve. Além disso, é possível que a planta fique muito alta. Nesse caso, corte a extremidade do caule principal, pois isso incentivará o desenvolvimento de brotos laterais e manter a planta em uma altura confortável para o manuseio e a colheita.

A retirada da hortaliça do pé costuma acontecer entre 10 e 16 semanas após o cultivo. É possível colher folhas mais jovens, mas saiba que isso pode prejudicar o crescimento da planta. Evite fazer a colheita em períodos do dia mais quentes e deixe ao menos cinco folhas mais jovens no caule para garantir o bom desenvolvimento do cultivar.

Hortaliças

Como Plantar Abóbora

Se você quer saber como plantar abóbora, preste atenção neste artigo, que traremos todas as informações para que você consiga ter abóboras deliciosas em sua casa.

A abóbora é o nome comum para frutas das espécies do gênero cucurbita, assim como a moranga e o jerimum. Tais plantas são bastante parecidas e as principais diferenças estão em relação ao tamanho e ao formato, mas nem sempre é fácil diferenciá-las.


Características dos tipos de abóbora

Como Plantar Abóbora

Como Plantar Abóbora – Espécies

Mas antes de saber como plantar abóbora, é importante conhecer um pouco melhor um pouco mais sobre cada uma das variedades dessa espécie tão peculiar.

Cucurbita maxima:

Essa espécie é original da América do Sul e é a que melhor resiste a condições de baixa temperatura durante o plantio. Essa abóbora prefere situações mais amenas em comparação às demais.

Ela oferece os frutos mais pesados e grandes. Há casos em que uma abóbora apenas possa ter mais de 100 quilos. Seu talo é arredondado e possui consistência de cortiça macia quando está seco.

As folhas, assim como o caule dessa planta, são mais arredondadas e não possui recortes, nem manchas brancas nas nervuras. Pode ou não apresentar espinhos.

Cucurbita moschata:

Proveniente da América Central, este tipo de abóbora costuma ser cultivado em regiões tropicais, pois se dá melhor em ambientes mais quentes e úmidos. Por isso, é a mais sensível a baixas temperaturas.

O talo dessa espécie é anguloso e duro e alarga no ápice, isto é, onde o talo se une ao fruto. As folhas são esbranquiçadas e também bem desenvolvidas, possuindo recortes suaves, com bordas angulares e pelos. Os caules são um pouco angulados.

Cucurbita pepo:

Essa abóbora é mais comum de ser vista no México. Considerada a espécie mais antiga a ser domesticada, apresenta maior variação morfológica, podendo ser colhida madura ou ainda de forma imatura.

A diferença, no caso, é que a segunda forma é conhecida como abobrinha, muito usada na cozinha brasileira.

Há ainda frutos inapropriados ao consumo, pois são ornamentais. Ela tem fruto bastante anguloso e duro, sendo que alarga um pouco na base. Suas folhas são mais grossas, espinhosas e podem ter manchas esbranquiçadas.

Seu caule é anguloso e possui muitos acúleos, uma espécie de espinho.

Cucurbita argyosperma (antes chamada de Cucurbita mixta):

Pertencente originalmente ao sul do México, este cultivar não é muito utilizado em comparação às espécies mencionadas anteriormente. Essa abóbora se parece bastante com a Cucurbita moschata, porém, seu fruto não é tanto angulado, podendo ficar mais redondo quando maduro. Sua polpa é mais grosseira.


Como plantar abóbora: clima, luz, solo e irrigação

Para entender como plantar abóbora é fundamental conhecer alguns aspectos importantes, tais como: clima, luz, solo e irrigação, que abordaremos a seguir.

O ideal é que a temperatura seja quente, mas sem exageros. O recomendável para um bom aproveitamento das abóboras é com temperaturas que variam de 18ºC e 27ºC.

Evite plantar abóboras se a temperatura for abaixo de 10ºC e se o local sofrer com geadas. As espécies Cucurbita moschata e Cucurbita argyosperma são mais indicadas para o calor do que as Cucurbita maxima e Cucurbita pepo.

Outro item primordial em como plantar abóbora é a questão da luz. Prefira locais que recebam sol direto. No entanto, é possível que o cultivo seja em locais que recebam sombra parcial, porém, é essencial que haja luminosidade abundante.

O solo tem que ser bem drenado e fértil, além de ser rico em matéria orgânica e com boa quantidade de nitrogênio. Quanto à acidez do solo, o mundo ideal para um cultivo satisfatório é que o pH do solo varie de 5,5 e 6,8.

A irrigação deve ser realizada de modo que mantenha o solo sempre úmido. Mas cuidado para não deixá-lo encharcado, pois isso pode comprometer a sua plantação. É possível que as plantas adultas consigam suportar curtos espaços de tempo de seca.

A árvore de abóbora costuma crescer bastante, logo, é recomendável que seja colocada uma vara verticalmente onde as sementes são colocadas, para que o centro da futura planta possa ser marcado. Isso vai permitir que a irrigação direcione água onde realmente é necessário, ajudando a combater o desperdício.


Como plantar abóbora: da semente aos tratos culturais

Se você quer saber como plantar abóbora corretamente, é necessário tomar cuidado com alguns aspectos do plantio em si da planta. Por exemplo, é fundamental fazer covas de 45 cm de profundidade e 60 cm de diâmetro para colocar as sementes de plantas de grande porte. Caso o cultivar for menor, as covas devem ser de 30 cm de profundidade e 50 cm de diâmetro.

Adube a terra retirada com esterco, húmus de minhoca ou composto orgânico e jogue-a de volta, fechando a cova. Irrigue o local e coloque de duas a três sementes em um buraco de 2 cm de profundidade.

É possível também semear em vasos pequenos sacos plásticos ou copinhos feitos de papel jornal de 10 cm de altura e 5 cm de diâmetro. Quando as mudas chegarem a três folhas, o transplante para o local definitivo deve ser feito.

Outro item a ser levado em consideração em como plantar abóbora é o zero com a manutenção. Por exemplo, retire as plantas invasoras que podem retirar nutrientes das abóboras.

Vale lembrar que a presença de insetos e abelhas é importante para a polinização das flores e, consequentemente, para a formação dos frutos. Portanto, é normal tê-los no cultivar, não devendo ser combatidos, a não ser que você perceba que esteja ocorre algo dano à planta.

Aprenda a Plantar também:

Hortaliças

Como Plantar Gengibre

O gengibre é uma planta muito utilizada na culinária brasileira e também possui propriedades medicinais. Aprenda nesse artigo como plantar gengibre em casa.

O gengibre está presente em diversos pratos e é bastante conhecido em receitas de chás e sucos termogênicos que ajudam a desintoxicar o organismo e emagrecer.

Quem nunca ouviu falar que chá de gengibre ajuda a curar resfriados e gripes ou que traz muitos benefícios para inflamação de garganta?

Além disso, o mesmo tem função desintoxicante e vem sendo utilizado em dietas detox em todo o mundo.

Diante de um alimento tão versátil e que além de fazer bem ao nosso organismo também dá um sabor inigualável a vários pratos, muita gente tem buscado aprender como plantar gengibre.

Logo de início já posso te afirmar que cultivar gengibre é algo muito fácil, embora não pareça.

Ao contrário do que pensam essa não é uma planta difícil de cuidar ou que exige muito espaço. Sabia que dá para plantá-lo até em vasos?

Além de aprender como plantar gengibre, você também verá qual o melhor tipo de solo, como deve ser feita a irrigação, como usar os adubos etc.


Informações Sobre o Gengibre

Informações Sobre o Gengibre

Gengibre

A grande maioria das pessoas acredita que o gengibre é uma raiz, mas esse pensamento é incorreto.

Estamos aqui falando sobre a parte comestível da planta que é o rizoma que possui suas raízes. Rizomas e raízes, por sua vez, são duas coisas completamente diferentes.

Em se tratando de condições de plantio, a planta gosta de luz solar indireta, climas quentes, boa umidade do ar e solo também úmido e rico. Tudo o que uma planta tropical precisa.

O que esse rizoma realmente não gosta são temperaturas baixas, solo forte de forma direta, ventos fortes e solo encharcado. Ela é uma planta que precisa ser protegida.


Posso Ter Um Pé de Gengibre Em Casa?

Pé de Gengibre Em Casa

Pé de Gengibre Em Casa

Perfeitamente! Os pés de gengibre não são de grande porte, não são árvores como algumas pensam acreditam.

Eles podem ser plantados em vasos sem o menor problema e sem prejudicar seu desenvolvimento.

Se você tiver um jardim pequeno pode até ter vários pés, pois eles ficam lindos como plantas ornamentais.

Você só precisa ter cuidado para não plantar os pés uns muito próximos do outros, pois isso sim pode atrapalhar seu crescimento.


Como Cultivar Gengibre

Como Cultivar Gengibre

Como Cultivar Gengibre

Espaço

Antes de aprender como plantar gengibre é preciso saber em quais situações e ambientes ele pode se desenvolver bem.

Como já falamos aqui, espaço definitivamente não é um problema, já que qualquer rizoma que você plante irá primeiro desenvolver algumas folhas em determinado ponto.

Com o passar do tempo, ele se tornará um denso amontoado e aumentará de forma bem lenta, mas só se não for colhido.

Os rizomas dentro do solo também não exigem muito espaço e a planta em si cresce de 2 a 3 metros de altura.

Em relação aos vasos, caso queira plantar em algum, prefira os maiores. Um vaso de 14 litros, por exemplo, comporta bem 3 rizomas.

Para quem vai plantar no chão, a dica é deixar uma distância de cerca de 6 a 8 centímetros de distância entre os pés.

Irrigação

Saber como plantar gengibre é uma questão de se ater aos detalhes. Ele gosta muito de solos úmidos, mas se você encharcar o solo perde nutrientes muito rapidamente e ele não se desenvolve bem.

O solo nunca deve ficar seco, então faça sempre o teste do dedo, ele vai te dizer se a terra precisa de água.

Como a planta em questão prefere ar úmido, é indicado a pulverização de água.

É importante salientar que esse rizoma cresce lentamente e é facilmente ultrapassado por outras plantas.

Quando Plantar

Você deve plantar em épocas chuvosas, especialmente entre os meses de setembro e novembro.

Produção e Colheita

O tempo que se leva para colher o gengibre é de aproximadamente 6 a 10 meses, ocorrendo entre os meses de junho e agosto.

O momento certo para a colheita é quando as folhas ficam amareladas que avisam o amadurecimento do rizoma.


Como Cuidar de Uma Plantação de Gengibre

Como Cuidar de Uma Plantação de Gengibre

Como Cuidar de Uma Plantação de Gengibre

Se você vai investir em uma plantação de gengibre, o processo é basicamente o mesmo citado aqui, mas tome mais cuidado com ervas daninhas e pragas.

Muito cuidado também ao escolher o local de plantio, evite ambientes que costuma ficar muito encharcados com as chuvas e troque de local a cada temporada.

A estimativa de produção por cada hectare de aproximadamente 3 toneladas do produto seco e 15 do produto fresco.

Aprenda a plantar também:


Como Plantar Gengibre

Como Plantar Gengibre

Como Plantar Gengibre

Chegamos então ao foco principal desse artigo: Como plantar gengibre. Confira o passo a passo:

  1. Compre gengibres e caso eles ainda não esteja brotando, deixe-os em água morna durante uma noite que os brotos vão aparecer.
  2. Em um vaso de 14 litros e fundo, forre o fundo com britas para drenagem e cubra com uma mistura de adubo com terra.
  3. Coloque os rizomas com os brotinhos virados para cima.
  4. Regue com água me abundância, de preferência com água sem cloro, mas se não for possível, deixe a água em repouso por 24 horas em recipiente aberto e depois utilize.
  5. O vaso deve ficar em local sombreando e recebendo luz de forma indireta.

É possível que em vasos, com terra bastante adubada e com os devidos cuidados que aprendeu sobre como plantar gengibre você consiga colher em 4 meses.

<< voltar para Como Plantar

 

Hortaliças

Como Plantar Batata Doce Em Casa

Como Plantar Batata Doce em casa

Olá! Hoje eu trouxe para você um guia completo sobre como plantar batata doce em casa. Vaja como fazer irrigação, o tipo de solo ideal, qual adubo usar etc.

A batata doce, uma planta muito cultivada na América do Sul e na América Central é do tipo perene. Uma trepadeira com ramos que podem atingir 6 metros de altura.

Cada planta pode ter de 6 até 10 raízes de armazenamento que é o que conhecemos como a batata.

A batata doce é uma raiz tuberosa rica em amido e com sabor doce e marcante, podendo ser ingerida assada ou cozida, sozinha ou em diversos pratos.

As pontas do ramo e suas folhas também podem ser consumidas em refogados e são consideradas altamente nutritivas.

Esse vegetal é um dos principais alimentos na maioria das regiões tropicais úmidas do mundo e também é bastante utilizada como alimentação para animais.

Contamos com uma grande variedade da planta. As batatas doces podem ser mais arredondadas, mais cumpridas, em tamanhos diferentes e sua cor interna também se difere.

Encontramos facilmente esse vegetal na cor creme, laranja, branca ou roxa. Essas cores podem ser vistas tanto em sua parte interna quanto externa.

Gostou de saber mais sobre esse alimento? Aprenda agora como plantar batata doce em casa. É muito fácil e não exige muitos conhecimentos técnicos.


Como se dá Um Plantio de Batata Doce

Como se dá Um Plantio de Batata Doce

Plantio de Batata Doce

Antes de aprender como plantar batata doce é muito importante que você tenha acesso a algumas informações.

Essas informações são à cerca da planta, são coisas simples, mas que vão definir se sua plantação terá sucesso ou não.

Cada planta possui suas especificidades e com a batata doce não é diferente. Veja algumas informações no resto do artigo.


Tipos de batata doce

Tipos de batata doce

Diferentes tipos de batata doce

Como já vimos nesse post, contamos com vários tipos dessa raiz e antes de começar a plantar você deve escolher a que mais lhe interessa.

Vou mostrar as características dos três tipos mais consumidos aqui no Brasil. Confira:

  • Roxa: batata com a polpa na cor roxa, possui formato oblongo (cumprimento maior que a largura) e sabor muito doce;
  • Amarela: Sua polpa tem coloração creme, com formato elíptico arredondado e doçura média.
  • Branca: Sua polpa vem com coloração creme mais clara, formato oboval (tipo ovo) e pouca doçura;
  • Rosa canadense: Coloração da polpa creme, doce intermediário e formato elíptico;

Como Cultivar Batata Doce

Como Cultivar Batata Doce

Época para Plantio: A planta deve ser plantada entre os meses de setembro e dezembro;

Clima: tropical ou subtropical. Temperaturas acima de 20°;

Luminosidade: Os pés necessitam de muita luminosidade direta para se desenvolver bem;

Solo: Solo bem drenado, sem nenhum tipo de detritos, inclusive pedras e rico em matéria orgânica. ph entre 5,5 e 6,5 e livre de encharcamentos;

Irrigação: O solo deve permanecer sempre úmido, mas não encharcado;

Como Plantar batata doce: Plante as ramas em terra úmida e após período de chuva;

Espaçamento: O ideal para grandes plantações é um espaçamento entre mudas de 90×40;

Mudas ou sementes: Raízes 110 kg por hectare/ Ramas 30.000 por hectare;

Adubação: Pré-plantio (potássio e fósforo)/ Fase de crescimento (nitrogênio);

Tratos culturais: Deve-se fazer amontoas com sulcadores e capinas manuais para retirada de ervas daninhas que podem roubar os nutrientes do solo;

Combate às pragas e moléstias: Caso as ramas utilizadas sejam comprovadamente saudáveis, as mesmas não necessitam de estratégias de combate;

Época para colheita: A colheita pode ser feita entre os meses de março e setembro;

Aprenda a plantar também:


Como Plantar Batata Doce em Casa

Como Plantar Batata Doce em CasaComo Plantar Batata Doce em Casa

Como Plantar Batata Doce em Casa

A plantação dessa hortaliça pode ser feita por meio de ramas destacadas provenientes de plantas já adultas, sementes ou ainda com as próprias batatas que estão brotando.

Para quem deseja saber como plantar batata doce em casa, no jardim ou em vasos, a melhor alternativa é usar batatas brotando ou as sementes, já que as ramas são mais difíceis de encontrar.

No caso de usar a hortaliça, o ideal é escolher as menores e coloca-la em um vaso grande e com profundidade com o broto virado para cima.

A raiz deve ser enterrada em uma profundidade máxima de 5 centímetros para quem não tenham o crescimento atrasado.

Se for usar sementes, o ideal é plantar em vasos menores , copos de papel jornal com 5 centímetros de diâmetro por 10 de altura ou saquinhos específicos para isso.

O transplante deve ser feito quando as mudas conseguirem atingir uma altura entre 10 e 15 centímetros.

Para qualquer tipo de batata doce os vasos permanentes devem ter pelo menos 35 centímetro de profundidade.

Em relação ao período de colheita, o mesmo pode ocorrer entre 100 e 180 após plantio e nessas condições sugeridas.

Em regiões de clima frio os vegetais devem ser colhidos antes da chegada das temperaturas baixas, já em regiões subtropicais e tropicais elas podem ficar na terra até o momento do uso já que falamos de uma planta perene.

Ainda tem alguma dúvida sobre como plantar batata doce em casa? Comente aqui e responderei o quanto antes!

Se você gostou desse post compartilhe-o em suas redes sociais.

<< voltar para Como Plantar

Frutas Hortaliças Vegetais

Como Plantar Chuchu

Como Plantar Chuchu

O Chuchu é uma fruta-hortaliça que ainda não tem muita fama devido ao desconhecimento das suas características contra várias doenças, tais como hipertensão, problemas renais, urinários e muito mais.

Para além de ser extremamente rico em águas e fibras é um excelente complemento para várias dietas, e é aí que ele se está a expandir.

Para além de ser algo extremamente simples de plantar é algo que também se desenvolve muito rapidamente e facilmente, e para que isso aconteça basta existir apenas alguma sobra e um local por onde ele possa trepar.

Ainda me lembro dos Chuchus que a minha mãe plantava, ela colocava-os perto de alguma árvore e eles cresciam como nunca vi! Trepavam a árvore até ao cima e davam centenas de chuchus apenas a partir de 1 única semente.

É algo que dá muito pouco trabalho, por isso vale a pena.

Sechium eduleé uma hortaliça-fruto, ou seja, um vegetal da categoria dos frutos, conhecido pelos nomes comuns de chuchumachuchocaiota (Açores) e pimpinela (ilha da Madeira). Existe em abundância na ilha da Madeira, principalmente junto aos cursos de água (ribeiras e nascentes). Em países latinos é conhecido como Chayote, enquanto em países de língua inglesa é conhecido por christophene, vegetable pear, mirliton, choko, starprecianté, citrayota, chow chow (India) or pear squash.

DE: Wikipédia – Chuchu

Vale a pena o plantio de Chuchu?

Vale a pena o plantio de Chuchu?

Saber como plantar chuchu não é nada de especial, pois o processo é simples, e só esse “baixo” risco já faz valer a pena!

Vale muito a pena pois uma única semente é o suficiente para uma “árvore” gigantesca que dá centenas desses frutos.

Quem não gosta de os comer, ou porque não gosta do sabor ou dos efeitos, poderá utilizar para dar aos animais, tal como a minha mãe fazia, e ainda faz.

Pode cozer e dar aos porcos, galinhas, ovelhas, coelhos e muito mais.

Mesmo que não seja para consumo próprio, cultivar chuchu vale muito a pena devido à sua simplicidade e a quantidade de frutos que uma só árvore consegue originar.

Fatores que temos de ter em atenção para cultivar Chuchu

Tal como fazemos em todos os artigos do Como Cultivar, vamos apresentar a lista dos fatores mais importantes.

Segue a lista e lê o desenvolvimento de cada ponto, é muito importante para quem quer uma colheita final de sucesso!

  • Clima;
  • Ambiente;
  • Solo;
  • Espaçamento;
  • Adubação;
  • Colheita.

Como plantar Chuchu

Cultivar chuchu

Vamos explicar cada um dos pontos acima, servem para as pessoas que querem colocar apenas um Chuchu no quintal ou para quem pretende produzir em massa para vender, por isso esteja atento/a a todos os detalhes.

Clima

O clima que o chuchu gosta é de climas amenos, nem muito sol nem muito frio. A neve é horrível para o seu desenvolvimento, por isso caso esteja neve no local onde vai começar o seu plantio é melhor não começar este projeto.

Para além da neve as chuvas fortes e ventos extremos tem a capacidade de arrancar a flor que dá origem ao fruto, fazendo com que não nasça nenhum fruto.

Ambiente

Uma temperatura entre 15 ºC e 25 ºC é o ideal para o bom desenvolvimento deste fruto.

Recomendo plantar num local com alguma exposição ao sol, mas pouca, isto porque a “árvore” do chuchu gosta de sombra, assim elas desenvolve-se adequadamente e com frutos maiores e de melhor qualidade.

Se vive em Portugal ou no Brazil poderá plantar sem qualquer problema, em principio o seu crescimento não será afetado pelas baixas/altas temperaturas.

A minha mãe é de Portugal e todos os anos planta alguns chuchus, e mesmo regando poucas vezes e tendo poucos cuidados eles desenvolvem-se de forma simplesmente surpreendente!

Solo

Solo adubado é praticamente indispensável para qualquer tipo de plantação.

Se preferir pode utilizar adubo comprado em qualquer centro agriculto, cinzas de fogueira, ervas a apodrecer ou estrume dos animais.

A minha mãe sempre utilizou estrume dos animais para fertilizar as terras, e deita sempre no local onde planta o chuchu, e os efeitos são arrasadores, muito bom mesmo!

Espaçamento

O espaçamento vai depender muito de como você os planta. Poderá plantar numa estrutura própria (tipo uma estufa) ou a beira de árvores onde eles se possam agarrar e trepar até não conseguirem mais.

Seja qual for a sua opção deixamos a parte do espaçamento ao gosto de cada um.

Os chuchus nascem tipo abóboras, da rama, por isso poderá utilizar um espaçamento semelhante.

Colheita

Poderá realizar a colheita entre 80 a 150 dias após ter feito a plantação.

Neste altura o chuchu já deve estar totalmente desenvolvido e pronto a colher e comer.

Se preferir que o fruto fique mais maduro deixe atingir os 150 dias, caso pretenda colher mais verde poderá começar a colher quando eles fizerem 80 dias após terem sido plantados.

Lembramos que cada caso é um caso e que devido a uma grande variedade de fatores a colheita pode ser influenciada positiva e negativamente umas em relação as outras.

Se o ambiente, temperatura e solo forem os adequados eles desenvolvem-se mais rapidamente, e o contrário também acontece claro.

Concluindo…

Já sabe como plantar chuchu? Este foi um artigo pedido de um senhor que leu o nosso outro artigo de como plantar cebola de cabeça, se estiver interessado/a poderá dar lá uma olhada também.

Lembramos que o plantio deste fruto é extremamente fácil e qualquer pessoa o pode fazer na sua própria casa, por isso se está a pensar começar a sua própria horta não existe nada melhor que o Chuchu!

Caso não goste do sabor e/ou dos seus efeitos poderá utilizar também para alimentar os animais, poderá dar-lhes cru ou cozido, normalmente eles adoram o sabor!

Esperamos que tenha gostado deste tutorial de ajuda e que tenha aprendido de uma vez por todas a como ter a sua própria plantação, na sua própria casa (ou quintal claro!).

Se tiver qualquer dúvida ou opinião pessoal a fazer poderá utilizar os comentários abaixo para a expor. Caso seja algo mais específico e não queira que se torne público poderá optar também por utilizar o nosso formulário de contacto.

Vamos tentar responder num prazo máximo de 24 horas.

Abraço e boa sorte na sua plantação de Chuchu! 🙂

<< voltar para Como Plantar

Hortaliças

Como plantar batata doce

Já toda a gente ouviu falar da batata doce, e aposto que foi pelos melhores motivos, não é mesmo? Mas sabe aprender a como plantar batata doce?

Ela tem ganho cada vez mais fama em Portugal e no Brasil, e isto porque é um excelente alimento que queima gordura gradualmente e naturalmente, sendo jia utilizadas na refeição de muitos atletas de topo.

Com toda esta fama a subir é cada vez mais a procura de informação acerca desta hortaliça, são cada vez mais as pessoas que a querem cultivar no seu quintal, pois elas estão cada vez mais caras nos mercados locais e nada como ter uma bela horta de batata doce perto de casa para ir lá colher sempre que for necessário.

O plantio de batata doce é talvez um dos mais interessantes que vamos colocar aqui no site, isto porque para a plantar é necessário um processo um pouco trabalhoso para que a nossa horta tenha sucesso.

batata-doce (Ipomoea batatas), também chamada batata-da-terrabatata-da-ilhajatica e jetica, é uma planta da família das convolvuláceas, da ordem das Solanales (a mesma da batata, do tomate, das pimentas etc.). Originária dos Andes, se espalhou pelos trópicos e subtrópicos de todo o mundo.

DE: Wikipedia

Como Plantar Batata Doce – Vale a pena?

Como plantar batata doce

Antes de aprender a como plantar batata doce tem de escolher o tipo que pretende plantar.

Existem dois tipos de plantio de batata doce, o plantio das pessoas que apenas o fazem para consumo próprio e o plantio para aquelas pessoas que o fazem por motivos económicos, ou seja, plantar para vender.

Seja qual for o motivo, aconselhamos fortemente a apostar nesta hortaliça.

Mas porquê? É simples, o preço da batata doce está a disparar em todos os mercados, por isso se está a procurar plantar para vender é uma excelente oportunidade de fazer dinheiro com ela.

Se está a pansar para uso próprio ainda melhor, pois assim evita gastar montes de dinheiro no mercado a comprar esta hortaliça, e ainda sabe que está a consumir o que é seu, livre de qualquer tipo de produtos químicos que fazem aumentar o seu crescimento mas que diminuem o gosto e o seu ótimo sabor.

Como Plantar Batata Doce – Fatores a ter em atenção

Tal como fazemos em todos os artigos do Como Cultivar, vamos apresentar a lista dos fatores mais importantes.

Segue a lista e lê o desenvolvimento de cada ponto, é muito importante para quem quer uma colheita final de sucesso!

  • Clima;
  • Ambiente;
  • Solo;
  • Espaçamento;
  • Adubação;
  • Colheita.

Como plantar batata doce

Como plantar batata doce

Vamos ver como plantar batata doce de uma vez por todas?

Ela pode ser plantada através das suas sementes, de outras batatas doces ou a partir das ramas de outras plantas adultas já desenvolvidas.

Seja qual for o processo vai precisar seguir todas as dicas relativas ao solo, clima, ambiente e por aí fora, por isso vamos ensinar tudo o que precisa saber acerca de cada um deles em específico.

Clima

A batata doce é uma hortelã tropical, pelo que o clima deverá ser tropical ou no mínimo sub tropical.

O que queremos dizer com isso? Simples, deverá plantar batatas doces apenas se tiver um local onde o clima seja de sol intenso e altas temperaturas, caso contrário não vai ter qualquer tipo de sucesso na sua plantação.

Caso não tenha um local com as condições adequadas poderá sempre optar por plantar em estudas, mas nestes caso a planta não vai conseguir adquirir o mesmo sabor, mas isso fica ao seu critério.

Ambiente

Uma temperatura entre os 24°C e 26°C é o recomendado. É recomendado também ter uma alta exposição ao sol pois assim vai se desenvolver mais rapidamente e de forma mais natural, dando assim um sabor único à hortaliça.

De acordo com as nossas pesquisas se conseguir uma temperatura superior a 10ºC já poderá conseguir um bom plantio, porém essa é a temperatura mínima exigida, e conte que não terá uma plantação tão saborosa e de tamanho igual às que são realizadas em temperaturas entre os 24ºC e os 26ºC.

Solo

Um solo limo-argiloso e com uma excelente drenagem é mesmo fundamental.

Não pode utilizar solos que estejam constantemente cheios de agua e/ou sempre com água a passar. A batata gosta sim de ser regada, mas não em demasia.

Escolha um solo que tenha pelo menos alguma exposição ao sol, não é recomendado escolher um solo com sombra total.

Espaçamento

Antes de aprender a como plantar batata doce deve ter em atenção a todos os detalhes e o espaçamento é um deles.

Deverá plantar com pelo menos 30 CM de profundidade.

Quanto ao espaçamento dos buracos deve ser de 30CM a 60CM entre cada um. Respeite estes limites pois são extremamente importantes para que as batatas consigam se desenvolver sem irem “umas para cima das outras”.

Um espaçamento ideal é fundamental para uma boa produção de batatas doces.

Agora que já sabe o espaçamento, vamos avançar para a adubação? 🙂

Adubação

Um terreno bem adubado é fundamental, porém não é obrigatório.

Se tem uma pequena quinta poderá adubar o terreno com o “estrume” proveniente dos animais. Normalmente ovelhas e vacas são excelentes fornecedores de material orgânico para fertilizar as terras, portanto se o conseguir será o melhor adubo de sempre!

Caso não tenha animais que lhe facilitem essa produção de “adubo” poderá adquirir em qualquer horto local um adubo biológico, também terá efeitos bastante positivos no crescimento da batata doce.

Colheita

A colheita vai depender muito de todos os outros fatores. Se tiver um bom solo, boa luminosidade, boa adubação e tiver sorte (a sorte também faz parte e se estiver presente é uma excelente ajuda!) poderá começar a fazer a colheita 90 dias após o plantio.

Caso as coisas não corram tão bem poderá ter de esperar até 5 meses para começar a fazer a colheita, ou seja, cerca de 150 dias.

Para identificar quando a colheita está pronta é extremamente simples, basta verificar quando as ramas superiores começam a secar. Quando as vir a secar faça um buraco numa delas e veja como estão as batatas, se já parecerem ter um tamanho razoável e estiverem completamente desenvolvidas pode começar!

Concluindo…

Plantar batata doce pode ser um trabalho um pouco demorado, e a colheita pode demorar um pouco a acontecer, mas a verdade é que vale bem a pena!

Os seus valores estão em alta por isso apenas tem a ganhar.

Se tiver alguma dúvida ou sugestão não hesite em deixar um comentário abaixo, iremos responder com a maior brevidade possível.

Se tiver uma dúvida muito específica que não queira tornar pública pode utilizar o nosso formulário de contacto, vamos responder num prazo máximo de 24 horas.

E então, já sabe a melhor forma de como plantar batata doce? Esperemos que tenha gosto deste artigo! 🙂