Hortaliças

Como Plantar Abóbora

Se você quer saber como plantar abóbora, preste atenção neste artigo, que traremos todas as informações para que você consiga ter abóboras deliciosas em sua casa.

A abóbora é o nome comum para frutas das espécies do gênero cucurbita, assim como a moranga e o jerimum. Tais plantas são bastante parecidas e as principais diferenças estão em relação ao tamanho e ao formato, mas nem sempre é fácil diferenciá-las.


Características dos tipos de abóbora

Como Plantar Abóbora

Como Plantar Abóbora – Espécies

Mas antes de saber como plantar abóbora, é importante conhecer um pouco melhor um pouco mais sobre cada uma das variedades dessa espécie tão peculiar.

Cucurbita maxima:

Essa espécie é original da América do Sul e é a que melhor resiste a condições de baixa temperatura durante o plantio. Essa abóbora prefere situações mais amenas em comparação às demais.

Ela oferece os frutos mais pesados e grandes. Há casos em que uma abóbora apenas possa ter mais de 100 quilos. Seu talo é arredondado e possui consistência de cortiça macia quando está seco.

As folhas, assim como o caule dessa planta, são mais arredondadas e não possui recortes, nem manchas brancas nas nervuras. Pode ou não apresentar espinhos.

Cucurbita moschata:

Proveniente da América Central, este tipo de abóbora costuma ser cultivado em regiões tropicais, pois se dá melhor em ambientes mais quentes e úmidos. Por isso, é a mais sensível a baixas temperaturas.

O talo dessa espécie é anguloso e duro e alarga no ápice, isto é, onde o talo se une ao fruto. As folhas são esbranquiçadas e também bem desenvolvidas, possuindo recortes suaves, com bordas angulares e pelos. Os caules são um pouco angulados.

Cucurbita pepo:

Essa abóbora é mais comum de ser vista no México. Considerada a espécie mais antiga a ser domesticada, apresenta maior variação morfológica, podendo ser colhida madura ou ainda de forma imatura.

A diferença, no caso, é que a segunda forma é conhecida como abobrinha, muito usada na cozinha brasileira.

Há ainda frutos inapropriados ao consumo, pois são ornamentais. Ela tem fruto bastante anguloso e duro, sendo que alarga um pouco na base. Suas folhas são mais grossas, espinhosas e podem ter manchas esbranquiçadas.

Seu caule é anguloso e possui muitos acúleos, uma espécie de espinho.

Cucurbita argyosperma (antes chamada de Cucurbita mixta):

Pertencente originalmente ao sul do México, este cultivar não é muito utilizado em comparação às espécies mencionadas anteriormente. Essa abóbora se parece bastante com a Cucurbita moschata, porém, seu fruto não é tanto angulado, podendo ficar mais redondo quando maduro. Sua polpa é mais grosseira.


Como plantar abóbora: clima, luz, solo e irrigação

Para entender como plantar abóbora é fundamental conhecer alguns aspectos importantes, tais como: clima, luz, solo e irrigação, que abordaremos a seguir.

O ideal é que a temperatura seja quente, mas sem exageros. O recomendável para um bom aproveitamento das abóboras é com temperaturas que variam de 18ºC e 27ºC.

Evite plantar abóboras se a temperatura for abaixo de 10ºC e se o local sofrer com geadas. As espécies Cucurbita moschata e Cucurbita argyosperma são mais indicadas para o calor do que as Cucurbita maxima e Cucurbita pepo.

Outro item primordial em como plantar abóbora é a questão da luz. Prefira locais que recebam sol direto. No entanto, é possível que o cultivo seja em locais que recebam sombra parcial, porém, é essencial que haja luminosidade abundante.

O solo tem que ser bem drenado e fértil, além de ser rico em matéria orgânica e com boa quantidade de nitrogênio. Quanto à acidez do solo, o mundo ideal para um cultivo satisfatório é que o pH do solo varie de 5,5 e 6,8.

A irrigação deve ser realizada de modo que mantenha o solo sempre úmido. Mas cuidado para não deixá-lo encharcado, pois isso pode comprometer a sua plantação. É possível que as plantas adultas consigam suportar curtos espaços de tempo de seca.

A árvore de abóbora costuma crescer bastante, logo, é recomendável que seja colocada uma vara verticalmente onde as sementes são colocadas, para que o centro da futura planta possa ser marcado. Isso vai permitir que a irrigação direcione água onde realmente é necessário, ajudando a combater o desperdício.


Como plantar abóbora: da semente aos tratos culturais

Se você quer saber como plantar abóbora corretamente, é necessário tomar cuidado com alguns aspectos do plantio em si da planta. Por exemplo, é fundamental fazer covas de 45 cm de profundidade e 60 cm de diâmetro para colocar as sementes de plantas de grande porte. Caso o cultivar for menor, as covas devem ser de 30 cm de profundidade e 50 cm de diâmetro.

Adube a terra retirada com esterco, húmus de minhoca ou composto orgânico e jogue-a de volta, fechando a cova. Irrigue o local e coloque de duas a três sementes em um buraco de 2 cm de profundidade.

É possível também semear em vasos pequenos sacos plásticos ou copinhos feitos de papel jornal de 10 cm de altura e 5 cm de diâmetro. Quando as mudas chegarem a três folhas, o transplante para o local definitivo deve ser feito.

Outro item a ser levado em consideração em como plantar abóbora é o zero com a manutenção. Por exemplo, retire as plantas invasoras que podem retirar nutrientes das abóboras.

Vale lembrar que a presença de insetos e abelhas é importante para a polinização das flores e, consequentemente, para a formação dos frutos. Portanto, é normal tê-los no cultivar, não devendo ser combatidos, a não ser que você perceba que esteja ocorre algo dano à planta.

Aprenda a Plantar também:

Como Plantar Abóbora
5 (100%) 1 voto
Partilhe nas redes sociais!
Share on Facebook
Facebook
Pin on Pinterest
Pinterest
Tweet about this on Twitter
Twitter
Email this to someone
email

Você também pode gostar de

Sem comentários

    Responder